Topo

Apresentadora morre em 1º acidente fatal com patinete elétrica em Londres

Emily Hartridge envolveu-se em acidente em rotatória no sudoeste de Londres - Reprodução/Instagram
Emily Hartridge envolveu-se em acidente em rotatória no sudoeste de Londres Imagem: Reprodução/Instagram

Gabriel Francisco Ribeiro

Do UOL, em São Paulo

14/07/2019 14h54

Resumo da notícia

  • Emily Hartridge morreu após ser atingida por caminhão em rotatória de Londres
  • Essa é a 1ª morte envolvendo acidente com este modal no Reino Unido
  • Patinetes são febre mundial, mas ainda não têm regulamentações definidas
  • Vítima era celebridade local que saiu das redes sociais

Uma apresentadora de televisão e estrela da internet britânica morreu na última sexta-feira (12), vítima de um acidente envolvendo uma patinete elétrica. Segundo o jornal The Guardian, ela é a primeira fatalidade de trânsito envolvendo este meio de transporte no Reino Unido.

Emily Hartridge, 35 anos, morreu após a patinete elétrica que dirigia colidir com um caminhão em uma rotatória no bairro de Battersea, no sudoeste de Londres.

A polícia britânica ainda investiga o motivo do acidente. A rotatória em questão havia sido redesenhada em 2015 para manter ciclistas separados de outros tipos de veículos. O novo desenho, segundo o jornal, recebeu críticas por ser confuso e já havia provocado uma morte de um ciclista no último ano.

A publicação ainda aponta que é ilegal dirigir uma patinete elétrica - ou outros transportes semelhantes - em ruas públicas do Reino Unido, já que o modal ainda não é considerado um veículo para esses tipos de vias.

Este novo veículo de transporte tem sido cada vez mais usado no mundo todo, seja a partir de compras dos próprios usuários ou por meio de aluguéis em apps. O Reino Unido é um dos países que está revisando sua legislação e há um encontro marcado nesta semana do ministro de transporte com empresas do setor - ainda há polêmicas sobre segurança de usuários e pedestres

No Brasil, companhias como Yellow, Grin (do grupo Grow Mobility) e Lime já estão em várias cidades do país, incluindo capitais importantes como São Paulo e Rio de Janeiro. A entrada desse tipo de veículo passou a ser tema, inclusive, de novas legislações municipais.

Em 2010, o dono britânico da companhia Segway - modal parecido com as patinetes elétricas - morreu depois de cair de uma das máquinas da companhia em um acidente estranho. Jimi Heselden havia parado o veículo que se equilibra em duas rodas no topo de um caminho íngreme acima do rio Wharfe para deixar um pedestre passar quando caiu de uma altura de 13 metros no rio.

Fenômeno da internet

Hartridge fazia parte da primeira onda de estrelas das redes sociais, tornando-se famosa há sete anos por vídeos com olhar cômico para a vida moderna. Ela chegou a ter três milhões de visualizações por mês e levou a carreira para a TV, onde entrevistou atores como Eddie Redmayne e Hugh Jackman.

A morte foi anunciada em um post no seu Instagram pessoal, que conta com mais de 50 mil seguidores. No Reino Unido, a fatalidade causou comoção entre apresentadores de TV locais.

Mais Transporte