PUBLICIDADE
Topo

Pergunta pro Jokura

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Bezos é igual Gagarin? Qualquer viajante espacial é chamado de astronauta?

O astronauta Raja Chari durante treinamento na sede da SpaceX, na Califórnia - SpaceX
O astronauta Raja Chari durante treinamento na sede da SpaceX, na Califórnia Imagem: SpaceX
Conteúdo exclusivo para assinantes
Tiago Jokura

Tiago Jokura é jornalista e, portanto, curioso profissional. Passou os últimos 15 anos respondendo as dúvidas mais complexas e inusitadas dos leitores na mídia impressa, na tentativa infinita de explicar como o mundo funciona com clareza e bom humor. Agora, continua essa saga aqui no UOL.

18/10/2021 04h00

Qualquer viajante espacial pode ser chamado de astronauta? -Pergunta de Mônica Pita, de Altos (PI) - quer enviar uma pergunta também? Clique aqui.

Que viagem, cara altoense. Fala a verdade, você quer saber mesmo é se a jornada nas estrelas do ator William Shatner, o eterno Capitão Kirk e homem mais velho a ir para o espaço, com 90 anos, o credencia como astronauta, né? Pois eu também quero saber e vou embarcar nessa com você.

Antes de decolarmos, porém, já venho com a primeira controvérsia. O termo "astronauta" é coisa da Nasa, dos americanos. Para os russos, é cosmonauta e para os chineses, taikonauta.

É tudo a mesma coisa, mas cada país envolvido em enviar gente para o espaço resolveu chamar de um jeito.

Astronauta vem do grego: astron significa estrela e nautes, navegador. E os navegantes das estrelas foram assim chamados pelos americanos que iniciaram a exploração espacial nos anos 1950. Mas eles não estavam sozinhos nessa.

A concorrência soviética na chamada corrida espacial deu origem ao termo cosmonauta— também em grego, cosmos significa "espaço".

O curioso é que a Nasa quase adotou cosmonauta como nomenclatura oficial americana para seus viajantes espaciais. Mas em 1959, após debates internos, "astronauta" foi a alcunha preferida.

Por mera polarização, a União Soviética se apropriou de "cosmonauta".

Por causa desse vaivém normativo, o primeiro humano a viajar para o espaço (Yuri Gagarin, em abril de 1961) foi um cosmonauta e não um astronauta —menos de um mês depois de Gagarin, o americano Alan Shepard foi, a rigor, o primeiro "astronauta" no espaço.

Por décadas, os "navegantes das estrelas" americanos e os "navegantes do cosmos" soviéticos/russos polarizaram a exploração espacial. Até que a China entrou no negócio de sair do planeta. E a terceira via gerou um novo termo para designar viajantes espaciais, como taikonauta ("tàikong", em mandarim, também significa "espaço").

Só que "taikonauta" não é invenção chinesa: a palavra é mais usada e consagrada em inglês, por veículos de comunicação, do que entre os chineses, que adotam mais "yuhangyuan" (algo como "navegante do universo/espaço") e o poético "hángtin yuán" (algo como "navegante do céu").

Em 2004, as fronteiras espaciais se alargaram ainda mais com o surgimento de voos comerciais. Até então, só iam para o espaço viajantes treinados por governos (seja por instituições militares seja por agências espaciais) para tripular naves e desempenhar funções técnicas em missões espaciais.

Com os voos, digamos, de passeio, surgiu mais uma controvérsia: turistas espaciais podem ser considerados astronautas/cosmonautas/taikonautas?

Aí a questão começa a ficar mais técnica.

De acordo com a Nasa, por exemplo, um astronauta tem que voar acima de 80 km de altitude. E pronto. Se for até a Estação Espacial, digamos, a passeio, é considerado pela agência espacial americana como um "participante de voo espacial".

Já para a Federação de Aviação dos EUA (FAA), os critérios são mais rígidos. Em julho de 2021, a entidade dificultou a ostentação do título de astronauta pelos chamados turistas espaciais, que só vão dar uma voltinha no espaço e já voltam a bordo de naves privadas, como as de Jeff Bezos, Richard Brenson, Elon Musk e cia.

De acordo com a FAA, só é considerado astronauta o sujeito que voar acima de 80 km de altitude mas que também tenha realizado atividades essenciais para a segurança do voo ou contribuído para a segurança dos voos espaciais humanos.

Agora, lhe pergunto, cara altoense: para quê cortar o barato do Capitão Kirk? No meu coração ele é astronauta, sim. Vida longa e próspera.

Tem alguma pergunta? Deixe nos comentários ou mande para nós pelo WhatsApp.