Topo

Jogos mobile


Microsoft confirma compra de estúdio de "Minecraft" por US$ 2,5 bilhões

do Gamehall

15/09/2014 10h52

Após dias de especulação, o chefão da divisão Xbox, Phil Spencer, confirmou a compra do estúdio independente Mojang, criador de um dos maiores sucessos da indústria, "Minecraft", em uma nota especial pelo site Xbox Wire. Como indicado pela agência de notícias Reuters, a empresa foi comprada por US$ 2,5 bilhões

A produtora agora se junta à Turn 10 ("Forza"), 343 Industries ("Halo") e a Lionhead ("Fable") como subsidiária da gigante americana.

"Na Microsoft, acreditamos no poder de unir pessoas", escreveu Spencer. "'Minecraft' aumenta a diversidade de nosso portfólio e nos ajuda a alcançar gamers através de múltiplas plataformas". O executivo também confirmou tanto em texto quanto em vídeo que as versões do jogo para mobile, PlayStation e "sua verdadeira casa", o PC, continuarão a receber suporte mesmo após a aquisição.

Owen Hill, da Mojang, também confirmou a compra no blog do estúdio. De acordo com a atualização, os fundadores da empresa - Markus "Notch" Persson, Jakob Porser e Carl Manneh - deixaram a companhia.

"Como devem saber, Notch é o criador de 'Minecraft' e sócio majoritário da Mojang. Ele decidiu que não quer a responsabilidade de ser dono de uma companhia de significância global", declarou Hill. "Há apenas um punhado de potenciais empresas com recursos de expandir 'Minecraft' na escala que merece. Temos trabalhado com a Microsoft desde 2012, e ficamos impressionados com sua constante dedicação ao nosso jogo e seu desenvolvimento",

"Estamos confiantes de que 'Minecraft' vai continuar a crescer de uma forma incrível", escreveu Hill.

Hill também procurou acalmar os ânimos de usuários preocupados com a aquisição, indicando que ainda será possível criar mods e vídeos de suas construções, e interagir com os membros da equipe de desenvolvimento. Outros projetos do estúdio, como "Scrolls", ainda são uma incógnita, mas o executivo está confiante de que todos membros do estúdio continuarão empregados na Mojang após a transição para a Microsoft.

MICROSOFT COMENTA AQUISIÇÃO DA MOJANG

  •  

Jogos mobile