PUBLICIDADE
Topo

Cocaína falsa e morte: elenco conta bastidores da série de Maradona

Três atores diferentes vivem Diego Maradona em nova série - Divulgação/ Amazon
Três atores diferentes vivem Diego Maradona em nova série Imagem: Divulgação/ Amazon

Fernanda Talarico

De Splash, em São Paulo

29/10/2021 04h00

Maradona é uma daquelas figuras tão míticas do esporte que transcende e chega a outras áreas, como é o caso do audiovisual. Diversos títulos já foram produzidos focados na vida do jogador argentino e, agora, a série "Maradona: Conquista De Um Sonho", do Amazon Prime Video, estreia hoje. A estreia acontece um dia antes do aniversário do atleta e pouco menos de um mês de quando se completa um ano de sua morte.

A produção aborda diferentes momentos de Maradona e, para os atores que recriaram tantos eventos importantes e tinham no esportista um grande ídolo, a morte foi um choque. Em entrevista à Splash, Nazareno Casero, quem o interpreta quando era um jovem adulto, conta que foi algo surpreendente que o pegou de surpresa.

Foi muito triste e chocante, porque sempre falavam da saúde dele, mas tudo depois acabava sendo desmentido e, logo depois, aparecia Diego rejuvenescido, renascido, com uma mudança no visual. Mas, dessa vez não aconteceu, né? Começamos a entender que ele é humano e as lendas que conhecemos estão indo embora do mundo. Não a história delas, claro, mas seus corpos.

Já Nicolás Goldschmidt, ator que vive Maradona adolescente, demorou para entender como estava se sentindo e como a morte abalava a própria vida. "No primeiro dia, fiquei um pouco mal-humorado, bravo, não entendia muito bem o porquê", contou.

Com o passar dos dias, fui capaz de aceitar, chorar e me despedir. Isso foi acompanhado por um sentindo que, por alguns dias, todos estávamos sentindo, era uma tristeza parecida. Com o passar dos dias também começaram a aparecer novas histórias de várias pessoas que foram tocadas de alguma forma pela figura do Diego, o que me deixou muito emocionado.

O impacto também foi bastante sentido por Juan Palomino, o Maradona mais velho da série, já para o fim da carreira de jogador. "Tive a sensação que parte da minha vida estava terminando, que parte de mim morreu", relatou. "Acompanhá-lo foi algo vivido por muitos. Agora, se iniciou outra fase da vida."

Maradona sintetiza algumas gerações, além de representar momentos diferentes da história político-social econômica da Argentina e do mundo.

Claudia Villafañe

A ex-mulher de Diego Maradona também é retratada na série e, segundo as atrizes que a interpretam, Julieta Cardinali quando adulta e Laura Esquivel em sua época jovem, foi de "extrema importância na carreira de Diego".

Nenhuma das duas teve a oportunidade de conhecê-la pessoalmente, mas por se tratar de uma pessoa pública até hoje, foi fácil entender como a interpretação deveria acontecer.

Para Cardinali, o desafio de vivê-la foi justamente a possibilidade de que ela assista e não goste do trabalho. "Mas, dei o melhor", conta. Já para Esquivel, a dificuldade era mostrar o amor que existiu, mesmo com os problemas entre Maradona e Claudia.

Eles tiveram uma linda história e é isso que eu me empenhei em mostrar. As dificuldades entre eles aconteceram, mas era igual a tantos outros casais.

Cena da série de Maradona no Amazon Prime Video - Divulgação/ Amazon - Divulgação/ Amazon
Cena da série de Maradona no Amazon Prime Video
Imagem: Divulgação/ Amazon

Cocaína

Ao retratar a vida de Maradona, não era possível ignorar o vício do atleta. Para as cenas que mostravam o consumo de cocaína, Goldschmidt revelou que foram usados produtos "inofensivos" quando ingeridos.

Sentia apenas um incômodo no nariz e era quase sem gosto. Geralmente, nessas cenas com cocaína você cheira algo que tem uma textura e uma cor semelhante. Dá para mentir bem.

No entanto, Juan Palomino revelou que antigamente era diferente. "Na minha época usávamos açúcar e eu ficava com o nariz todo doce."

Legado

Entre o elenco, admiração por Diego Maradona é a mesma, assim como a gratidão pode poder mostrar ao mundo um pouco mais da história deste que foi um grande ídolo do futebol não apenas argentino, como mundial.

Para Palomino, foi uma honra viver — com a ajuda de muita imagem de arquivo e tecnologia — a história de seu ídolo. "Estou muito feliz, emocionado e empolgado. É uma ótima homenagem."

Uma segunda temporada de "Maradona: Conquista De Um Sonho" já foi confirmada.

Assine Amazon Prime e assista Maradona: Conquista de um Sonho.

Assinar Amazon Prime

*O UOL pode receber uma parcela das vendas pelo link recomendado neste conteúdo. Preços e ofertas da loja não influenciam os critérios de escolha editorial.