PUBLICIDADE
Topo

'Da quebrada ao mundo': MC Dricka estampa o funk em telão na Times Square

MC Dricka aparece em telão da Times Square, em Nova York, em parceria com o Spotify - Divulgação
MC Dricka aparece em telão da Times Square, em Nova York, em parceria com o Spotify Imagem: Divulgação

De Splash, em São Paulo

15/06/2021 12h10Atualizada em 15/06/2021 12h10

MC, indicada ao BET Awards como Melhor Novidade Internacional e rosto na Times Square. Aos 22 anos, MC Dricka amplia o reconhecimento internacional ao funk ao ser estampa em telão no mais famoso local de Nova York a partir de hoje.

O rosto e o nome da cantora da periferia de São Paulo está sendo divulgado na Times Square em uma iniciativa do Spotify para reconhecer o papel das mulheres no mundo da música.

MC Dricka comemorou o feito junto a inicitiva "EQUAL".

Fico extremamente feliz em representar o funk e levar esse movimento para além da bolha periférica do nosso país. Sinto que a cada dia que passa estamos dando um passo maior para mostrar pro mundo o poder das mulheres em geral.

A ideia é incentivar a busca por músicas, podcasts e produções feitas por mulheres para promover a equidade na plataforma através de divulgações com a

A "Rainha dos Fluxos", como é conhecida, tem mais de 300 milhões de acessos no Youtube e mais de 2 milhões de ouvintes mensais no Spotify.

Um dia antes do rosto em Nova York, ela criticou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) pela falta de vacinas contra a covid-19 para a população em entrevista ao podcast "PodPah".

Dricka chamou Bolsonaro de "velho safado" e de "gente ruim".

Vai comprar logo as p... das vacinas ou está fazendo vexame? Estou vendo só você para cima e para baixo de 'bololo', não sei o que. Nem para você cair no chão e se estrebuchar, né?

Crítica, a MC e o Emicida são os únicos brasileiros na lista da premiação de cultura urbana e hipo hop BET Awards. Em entrevista a Splash, a cantora ainda não acreditava que seu nome estava ao lado de Beyoncé, The Weeknd e mais.

Vejo que me tornei uma artista relevante e quero revolucionar ainda mais. Eu fico tanto no estúdio, que nem imaginava alcançar esse patamar.

Ela já avisou que vai continuar com as mesmas letras que falam do olhar feminino e que ganhou um espaço que era ocupado por homens:

Sou mensageira da liberdade feminina. Eu vim para dizer que mulher pode, sim, cantar pu..., consciente ou a vertente que quiser. Quero deixar essa mensagem para outras.