PUBLICIDADE
Topo

Chloé Zhao, de 'Nomadland', leva Oscar de melhor direção e faz história

Chloé Zhao leva o Oscar de melhor direção por "Nomadland" - Todd Wawrychuk/A.M.P.A.S. via Getty Images
Chloé Zhao leva o Oscar de melhor direção por 'Nomadland' Imagem: Todd Wawrychuk/A.M.P.A.S. via Getty Images

De Splash, em São Paulo

25/04/2021 22h02Atualizada em 26/04/2021 01h48

Chloé Zhao levou o Oscar de melhor direção por seu trabalho em "Nomadland". A diretora, que é chinesa, faz história como a primeira mulher asiática a ganhar a estatueta na categoria. Além disso, a cineasta faturou a principal estatueta da noite, a de melhor filme. A protagonista Frances McDormand também venceu o prêmio na categoria melhor atriz.

Considerando apenas a questão de gênero, ela é a segunda mulher a levar para casa o Oscar de melhor direção em mais de 90 anos de prêmio. Kathryn Bigelow foi a primeira a conquistar uma estatueta na categoria, em 2010, por "Guerra ao Terror".

Isso é para qualquer pessoa que tenha a fé e a coragem de se manter boa, independentemente do quão difícil seja isso. Vocês me inspiram a seguir em frente. Obrigada. Chloé Zhao, diretora premiada de 'Nomadland'

Chloé Zhao estava concorrendo com Thomas Vinterberg ("Druk - Mais uma Rodada"), David Fincher ("Mank"), Lee Isaac Chung ("Minari") e Emerald Fennell ("Bela Vingança").

Além de dirigir "Nomadland", Chloé Zhao assinou o roteiro do filme, adaptado do livro homônimo da autora Jessica Bruder, e concorria em outras cinco categorias. Melhor filme, melhor atriz, melhor fotografia (vencido por "Mank"), melhor montagem (vencido por "O Som do Silêncio") e melhor roteiro adaptado (vencido por Emerald Fennell, de "Bela Vingança").

O longa, protagonizado por Frances McDormand, acompanha a viúva Fern que perde o emprego e a casa na crise de 2008 e passa a morar em sua van e viajar pelos EUA em busca de vários bicos, construindo pelo caminho uma forma de vida diferente.

O elenco ainda inclui vários "nômades" da vida real, interpretando versões de si próprios.