PUBLICIDADE
Topo

Vôlei


Morre a mãe da jogadora de vôlei Tifanny Abreu

Tifanny Abreu, oposta do Sesi Vôlei Bauru - Neide Carlos/Vôlei Bauru
Tifanny Abreu, oposta do Sesi Vôlei Bauru Imagem: Neide Carlos/Vôlei Bauru

Do UOL, em São Paulo

11/12/2019 10h16Atualizada em 12/12/2019 09h33

A jogadora de vôlei Tiffany Abreu informou hoje a morte de sua mãe, Anália Pereira de Abreu, aos 68 anos. Em publicação no Instagram, a atleta do Sesi Vôlei Bauru agradeceu a mãe pelo apoio dado na carreira e na vida pessoal. A causa da morte não foi informada.

"Jamais imaginei que esse dia chegaria tão depressa e de forma tão repentina, não estou e nunca estaria preparada para essa despedida. Tenho certeza que Deus está recebendo a minha rainha da melhor forma possível. Não existe palavras que consigam descrever o que estou sentido", escreveu Tifanny.

"Só posso, nesse momento, agradecer por tudo que vivemos juntas. Muito, muito obrigada minha mãe! Suas palavras de conforto, seus ensinamentos e, principalmente, seu amor estarão sempre vivos no meu coração e na minha memória. Até um dia, minha mãe. Continue me guiando daí de cima. Te amo, te amo, te amo!", publicou a atleta.

Colegas de Tiffany enviaram mensagens de apoio à jogadora. "Que Deus conforte todos nesse momento", escreveu Thaisa Daher. "Que Jesus traga a paz necessária pra todos vocês Tif, pra família e pra sua mãe lá em cima! Meus sentimentos", disse a companheira de clube Naiane Rios.

Vôlei