PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Bahia e Sport questionam CBF por realização de Guarani x Vasco em Manaus

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

17/05/2022 21h33

A realização da partida entre Guarani e Vasco, pela oitava rodada da Série B, na Arena da Amazônia, em Manaus, na próxima quinta-feira, gerou polêmica entre clubes adversários. Nesta terça-feira, Bahia e Sport informaram que enviaram um ofício à CBF questionando o local da partida e afirmando que a “inversão do mando de campo” viola o artigo 20 do Regulamento Específico da Competição.

O que diz o artigo 20 do Regulamento da Série B?

Cada clube deverá informar à DCO, antes do início do CAMPEONATO, em qual estádio exercerá o mando de campo de suas partidas, situado na cidade onde o clube tenha sua sede permanente.

Parágrafo único - O clube que queira deslocar partidas para outras praças deverá, com 30 (trinta) dias de antecedência, demonstrar que, de maneira nenhuma, esta prática representa: (i) prejuízo ao equilíbrio técnico da competição; (ii) prevalência do interesse econômico particular do clube, em detrimento dos aspectos técnicos da competição; (iii) prejuízo da presença dos torcedores do clube mandante no estádio escolhido; (iv) privilégio de qualquer natureza em favor do clube adversário, como inversão ou comercialização do mando de campo; entre outros aspectos a serem avaliados pela DCO.

O que argumentam Bahia e Sport?

Da análise do dispositivo regulamentar, não se vislumbra quaisquer dos requisitos autorizadores da aceitação, pela CBF e pelo DCO-CBF, da mudança da partida aludida para a cidade de Manaus/AM. Primeiro porque a cidade de Campinas/SP dista aproximadamente incríveis 3.800 quilômetros da cidade de Manaus/AM, o que representa intuitivo “prejuízo da presença dos torcedores do clube mandante (o Guarani) no estádio escolhido“, diz um trecho da nota.

Ainda de acordo com os clubes, “essa alteração de mando caracteriza inequívoco e indevido benefício ao Vasco da Gama, já que se configura em verdadeira inversão do mando de campo em favor do time carioca, que conta com enorme torcida na cidade de Manaus/AM e adjacências, em prejuízo imediato aos clubes oficiantes, que, atualmente, são adversários diretos do Vasco da Gama pelo título e por uma das quatro primeiras posições na tabela do campeonato (...), e, em última análise, pode causar um importante desequilíbrio técnico na competição, com potencial de impactar de modo irreversível em seu resultado final“.

Siga o Esporte News Mundo no InstagramTwitterFacebook e Youtube.

O Guarani solicitou a realização do jogo em Manaus para poder fazer a troca do gramado do Brinco de Ouro. A CBF chegou a vetar a mudança para Manaus, mas depois reconsiderou a decisão. A partida está marcada para a próxima quinta-feira, às 21h30.

Futebol