PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Nikão é apresentado no São Paulo e se diz privilegiado por vestir a 10

Esporte News Mundo (redacao@esportenewsmundo.com.br)

20/01/2022 15h41

Nesta quinta-feira, 20, o São Paulo apresentou oficialmente uma das suas principais contratações para a temporada: Nikão, ex-Athletico, recebeu a camisa 10, entregue pelo presidente Júlio Casares e pelos diretores Rui Costa e Carlos Belmonte.

- Mais uma vez estamos aqui no CT da Barra Funda, priorizando a pré-temporada, treinos em dois períodos e pra anunciar mais um grande reforço, que é o Nikão. Sinônimo de resiliência, superação na vida pessoal, um grande atleta, grande cidadão. Nós estamos aqui felizes, a sua performance, com mais de 300 jogos no Athletico Paranaense, campeão da Sul-Americana, destaque como melhor jogador desse evento. Bicampeão da Sul-Americana, 2018 e 21, é com grandes conquistas na Copa do Brasil. Portanto o Nikão era um jogador que nós estávamos sonhando já há algum tempo. E claro qO ue essa oportunidade veio e veio com muito trabalho, muito planejamento da nossa área de futebol, do diretor Carlos Belmonte, diretor institucional, do diretor executivo Rui Costa, do coordenador de futebol Muricy. O Nikão pra nós tem uma representatividade tão grande, que ele vai vestir a camisa de número 10, a 10 de tantos ídolos - disse Júlio Casares ao apresentar a nova contratação.

Nikão falou sobre o peso de vestir uma camisa histórica do clube, que já teve diversos ídolos da torcida. O jogador classificou como um privilégio receber essa numeração e listou jogadores notáveis que vestiram antes.

- Eu fico muito feliz (de vestir a 10). É uma camisa onde grandes craques tiveram a honra de poder vestir e eu sou um cara privilegiado de poder vestir também essa camisa. Camisa 10 como Raí, Zizinho, Pita, Pedro Rocha, mais recente o Hernanes. Então é uma camisa que tem uma história muito grande dentro desse clube. Sei que é uma grande responsabilidade, então venho pra cá pra poder fazer o meu trabalho. Um clube que tem uma torcida apaixonante, uma torcida que tem uma representatividade muito grande. Então eu sei daquilo que eu vim aqui fazer e junto com meus companheiros fazer com que o São Paulo alcance seus objetivos na temporada - comentou Nikão.

A superação mencionada por Casares também foi tema da coletiva e o meia-atacante não deixou de comentar sobre as batalhas da sua vida e mencionou que sua história é algo que ele tenta passar aos jogadores mais jovens:

- Eu tenho uma história e ao mesmo tempo é algo que eu tento passar para os atletas mais jovens. Eu perdi a minha mãe eu tinha oito anos de idade por um câncer. Com 16, a minha avó, que cuidou de mim, eu perdi ela em um infarto. Com 23 anos eu perdi um irmão meu em um acidente. O meu pai eu não conheci e não conheço até hoje. Então eu passei por muitas dificuldades, muitas lutas, mas até aqui Deus tem me sustentado, Deus dia após dia tem cuidado de mim, hoje Deus me deu uma família, meu deu uma esposa, me deu filhos lindos, pessoas excepcionais que hoje caminham comigo. Então só tenho que agradecer a Deus por estar vivenciando esse grande momento, por estar em um clube desse tamanho.

Para saber tudo sobre o São Paulo, siga o Esporte News Mundo no Twitter, Facebook e Instagram

A negociação de Nikão com o tricolor paulista pegou muitos de surpresa. O atleta estava praticamente certo com o Internacional, mas uma reviravolta antes da assinatura, levou o meia-atacante para o Morumbi. Segundo o jogador, tudo aconteceu em questão de minutos e ele não pensou duas vezes para aceitar o São Paulo:

- Aconteceu muito rápido, foi ali em poucos minutos, que eu resolvi e deu tudo certo de vim pro São Paulo. É uma oportunidade única, onde muitos jogadores queriam e querem estar e comigo não é diferente. Quando apareceu a proposta do São Paulo eu não pensei duas vezes em aceitar, por entender e acompanhar por muitos anos a grandeza do clube. O que o clube já conquistou, o novo projeto do presidente, junto com o seu staff, então foi algo que me induziu muito, que me chamou muito a atenção.

Nikão é o quarto reforço apresentado oficialmente pelo São Paulo, que anteriormente também anunciou Rafinha, com a camisa 13, Jandrei, 93 e Alisson, que vestirá a 12. Segundo o presidente, na sexta-feira, em nova coletiva virtual, o São Paulo fará a apresentação oficial de Patrick, fechando as apresentações dos reforços contratados até o momento.

Futebol