Topo

Esporte


Lazio atropela Sampdoria fora de casa, e Roma empata com Genoa no Olímpico

25/08/2019 19h18

Roma, 25 ago (EFE).- O domingo no Campeonato Italiano reservou dois jogos entre equipes da capital contra representantes da cidade de Gênova, com a Lazio passando com autoridade pela Sampdoria, no estádio Luigi Ferraris, e a Roma apenas ficando no empate com o Genoa, no Estádio Olímpico.

Fora de casa, o time celeste levou a melhor sobre os anfitriões por 3 a 0. O artilheiro da partida foi o atacante italiano Ciro Immobile, que balançou a rede duas vezes. O meia-atacante argentino Joaquín Correa completou o marcador para os visitantes.

O único brasileiro que atuou na partida foi o zagueiro Luiz Felipe, ex-Ituano, pela Lazio. A equipe da capital também relacionou o volante Lucas Leiva, que passou os 90 minutos no banco de reservas.

A Roma, por sua vez, esteve na frente três vezes, mas acabou cedendo empate ao Genoa em 3 a 3, dentro de seus domínios. O atacante turco Cengiz Under, o atacante bósnio Edin Dzeko e o lateral-esquerdo sérvio Aleksandar Kolarov marcaram para a equipe comandada pelo técnico português Paulo Fonseca.

No entanto, o atacante Andrea Pinamonti, o lateral-esquerdo Domenico Criscito, cobrando pênalti, e o atacante marfinense Christian Kouamé balançaram a rede para os visitantes.

O único brasileiro que participou do jogo foi o zagueiro Juan Jesus, pela Roma, que teve o goleiro Daniel Fuzato como reserva. Já no Genoa, o goleiro Jandrei e o volante Rômulo não saíram do banco.

Em outros jogos disputados na noite de hoje (hora local), a Atalanta, surpresa da última temporada, venceu a Spal por 3 a 2, fora de casa. O Torino superou o Sassuolo por 2 a 1, em Turim; o Brescia bateu o Cagliari, como visitante, por 1 a 0; e Verona e Bologna empataram em 1 a 1.

Mais cedo, o Milan foi derrotado pela Udinese, na casa do adversário, por 1 a 0. O gol solitário da partida foi marcado pelo zagueiro brasileiro Rodrigo Becão, contratado recentemente junto ao Bahia, depois de passar uma temporada no CSKA Moscou. EFE

Mais Esporte