PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Técnico do Barça diz que brasileira Andressa Alves foi alvo de ato racista

Brasileira Andressa Alves partiu para cima de adversária do Rayo Vallecano após ouvir insulto racista - Divulgação/Barcelona
Brasileira Andressa Alves partiu para cima de adversária do Rayo Vallecano após ouvir insulto racista Imagem: Divulgação/Barcelona

10/02/2019 13h47

O técnico da equipe feminina do Barcelona, Lluís Cortes, afirmou neste domingo (10) que a jogadora brasileira Andressa Alves foi expulsa após ouvir um insulto racista de uma adversária do Rayo Vallecano, em jogo válido pelo Campeonato Espanhol que terminou com vitória do clube catalão por 4 a 0.

"Andressa é uma jogadora estrangeira que ouviu um insulto racista durante a partida. Isso é um tema muito grave, que temos todos que erradicar do futebol", disse o técnico depois do jogo, sem identificar qual jogadora teria cometido o ato racista.

Cortés ressaltou que a denúncia não era uma tentativa de justificar a reação da jogadora brasileira, que partiu para cima da adversária depois de ouvir o insulto. No entanto, o técnico disse compreender a atitude de Andressa pela gravidade da situação.

"As pessoas têm que entender que os insultos racistas são muito graves. Temos que trabalhar para que isso não ocorra mais", disse o técnico sobre o incidente. No momento da expulsão, o time catalão já vencia por 4 a 0, com gols de Alexia Putellas, Lieke Martens, Mariona Caldentey e Asisat Oshoala. 

 Andressa Alves ainda não se manifestou sobre o ocorrido.

Esporte