PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Rooney diz que Inglaterra precisa ser mais impiedosa na Eurocopa

23/06/2016 11h51

Paris, 23 jun (EFE).- O atacante e capitão da seleção inglesa, Wayne Rooney, admitiu que será preciso mostrar mais no duelo contra a Islândia, pelas oitavas do final da Eurocopa, do que foi apresentado durante a fase de grupos do torneio.

"Temos que ser mais impedosos e aproveitar mais as oportunidades. Se isso não acontecer, poderá nos custar o resultado", disse o atleta do Manchester United, em entrevista coletiva.

Nas três primeiras partidas disputadas na competição, a Inglaterra só venceu País de Gales, de virada, por 2 a 1, e empatou com Rússia e Eslováquia. Rooney garantiu que agora será necessário sair da zona de conforto para seguir avançando.

"Temos a sensação de que podemos mudar o plano de jogo para nos adaptar a qualquer adversário, mas agora, é a parte final do torneio e temos que ser mais implacáveis", avaliou o camisa 10.

Apesar da cobrança aos companheiros, o atacante descartou qualquer temor por estar na metade mais complicada do chaveamento das fases eliminatórias da Eurocopa, que conta com Alemanha, Itália, Espanha e França.

"Todo mundo diz que estamos na parte difícil, mas também há boas seleções na outra. Estamos felizes com a posição que conquistamos. Todos estarão de olho em nós, e não o contrário", garantiu Rooney.

Sobre o referendo que está sendo realizado no Reino Unido, para decidir sobre a permanência ou saída da União Europeia, o jogador evitou fazer comentários, assim como já tinha feito o galês Gareth Bale, em coletiva recente.

"Não quero falar disso, prefiro manter minha opinião no reservado. Que aconteça o que tiver que acontecer", desconversou. EFE

jaf/bg

Esporte