PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Bisping defende McGregor após polêmica com cantor em premiação da MTV

Ag. Fight

Ag. Fight

16/09/2021 07h00

Mesmo impedido de lutar, Conor McGregor continua em alta no MMA e muito por conta das polêmicas que protagoniza. Na mais recente delas, que aconteceu no último domingo (12), em Nova York (EUA), o ex-campeão do UFC participou do 'VMA', tradicional premiação musical da 'MTV', mas se envolveu em uma confusão com o cantor 'Machine Gun Kelly' e a atriz Megan Fox, sua namorada. Imediatamente, parte dos fãs não perdoou o comportamento de 'Notorious', porém Michael Bisping saiu em sua defesa.

Em seu podcast 'Believe You Me', o ex-campeão do UFC e atual comentarista surpreendeu e indicou que a irritação de 'Notorious' no 'VMA' pode ter sido causada pela quantidade de medicamentos que consta em sua recuperação. Vale ressaltar que McGregor passou por uma cirurgia na perna após a lesão sofrida durante a trilogia contra Dustin Poirier, realizada em julho, em Las Vegas (EUA), e iniciou um longo tratamento.

A curiosidade é que Bisping já criticou McGregor de forma pública. O veterano condenou o astro irlandês pelos ataques contra Poirier e sua esposa, defendeu Daniel Cormier, que foi chamado de bêbado por 'Notorious', afirmou que o desafeto deixou de ser um lutador de alto nível e questionou sua vontade de permanecer em atividade. Contudo, 'The Count' ignorou a animosidade ao analisar a nova polêmica protagonizada pelo atleta.

"Eu passei por isso. Não estive lá na premiação da MTV, mas fiz uma cirurgia e a medicação que eles dão, te enlouquece. Acho que muito disso aconteceu domingo, porque ele estava louco tomando os analgésicos. É assim que acontece. Eles deixam você muito impaciente, nervoso, irritado", explicou o ex-campeão do UFC, antes de completar.

"Aconteceu comigo e com Callum. Callum é o garoto mais calmo de todos, mas estava discutindo comigo por tudo que eu dizia, quando fez a cirurgia. Eles meio que te deixam assim. Não sei. Não estou dando desculpas para ele, mas é pelo que já vi", concluiu.

De acordo com os relatos, a confusão entre Conor McGregor, o rapper 'Machine Gun Kelly' e a atriz Megan Fox se iniciou, porque o casal não aceitou posar para uma foto com o lutador, que se irritou com a recusa. Com isso, o cantor empurrou 'Notorious', que tentou agredir o artista e jogou parte de sua bebida nele. Apesar da defesa de Michael Bisping, Ali Abdelaziz e Jorge Masvidal criticaram o ex-campeão do UFC.

O empresário lembrou da derrota que o irlandês sofreu para Khabib Nurmagomedov, em 2018, e cravou que o revés lhe atormenta até hoje. Já Masvidal brincou com a situação. Aproveitando a moda dos casamentos de luta inusitados no boxe, o veterano sugeriu que a 'Triller Fight Club' oficializasse o combate entre McGregor e 'Machine Gun Kelly' e zombou da qualidade de 'Notorious' como lutador ao apostar na vitória do cantor.

Esporte