PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Neil Magny pega 60 dias de gancho médico após ser nocauteado por 'Gente Boa'

Ag. Fight

20/11/2018 19h41

O UFC Buenos Aires do último sábado (17) foi repleto de lutas emocionantes que para alguns atletas custaram caro. Prova disso foi a lista de suspensão médica aplicada pela Comissão Atlética Brasileira de Artes Marciais Mistas (CABMMA) e divulgada pelo site 'MMA Junkie'. Nela, é possível ver alguns ganchos médicos significativos, e dentre eles se destacam Neil Magny e Santiago Ponzinibbio, protagonistas do main event do card.

Como não poderia deixar de ser, o americano - nocauteado no quarto round - levou uma suspensão médica maior que a do argentino 'Gente Boa'. Magny foi afastado da competições por dois meses, enquanto seu algoz, que durante o combate sofreu um corte abaixo do olho, levou um gancho de 45 dias dos especialistas.

Outro que levou a pior tanto no octógono quanto na suspensão foi Khalil Rountree. Assim como Neil Magny, o americano foi afastado por 60 dias após ser nocauteado no primeiro round pelo brasileiro Johnny Walker em duelo do card principal. O peso-meio-pesado (93 kg) carioca não sofreu grandes danos e recebeu um gancho de apenas duas semanas.

Já Anderson dos Santos e Jesus Pinedo não tiveram a mesma sorte do Walker. Com lesões similares, os atletas receberam o maior gancho após o show, de 180 dias cada. Tanto o brasileiro quanto o peruano foram derrotados por decisão unânime e estão com suspeitas de fratura no polegar - 'Berinja' no da mão esquerda e 'El Mudo' no da mão direita.

Todos os lutadores do show do Ultimate na capital argentina receberam uma suspensão mínima de 14 dias com sete dias sem contato.

Confira abaixo a lista completa:

Santiago Ponzinibbio: Suspenso por 45 dias com 30 dias sem contato.

Neil Magny: Suspenso por 60 dias com 45 dias sem contato.

Darren Elkins: Suspenso por 45 dias com 30 dias sem contato.

Khalil Rountree: Suspenso por 60 dias com 45 dias sem contato.

Cezar Ferreira: Suspenso por 45 dias com 30 dias sem contato.

Guido Cannetti: Suspenso por 45 dias com 30 dias sem contato.

Bartosz Fabinski: Suspenso por 45 dias com 30 dias sem contato.

Austin Arnett: Suspenso por 30 dias com 21 dias sem contato.

Laureano Staropoli: Suspenso por 30 dias com 21 dias sem contato.

Hector Aldana: Suspenso por 60 dias com 45 dias sem contato.

Jesus Pinedo: Suspenso por 180 dias ou até ser liberado pelo raio X para o polegar direito. Se der negativo, suspenso por 30 dias com 21 dias sem contato.

Devin Powell: Suspenso por 30 dias com 21 dias sem contato.

Nad Narimani: Suspenso por 30 dias com 21 dias sem contato.

Anderson dos Santos: Suspenso por 180 dias ou até ser liberado por raio X para o polegar esquerdo. Se der negativo, suspenso por 30 dias com 21 dias sem contato.

Esporte