PUBLICIDADE
Topo

Pan 2019

João Menezes vai disputar o ouro no Pan e garante vaga olímpica no tênis

João Menezes vence o argentino Facundo Bagnis na semifinal do tênis no Pan de Lima - Luis ROBAYO / AFP
João Menezes vence o argentino Facundo Bagnis na semifinal do tênis no Pan de Lima Imagem: Luis ROBAYO / AFP

Do UOL, em São Paulo

03/08/2019 16h09Atualizada em 03/08/2019 17h49

O Brasil garantiu um representante na final masculina de simples dos Jogos Pan-Americanos de Lima, com a vitória de João Menezes na semifinal diante do atual campeão Facundo Bagnis, o brasileiro também assegurou a vaga olímpica em Tóquio-2020.

Menezes venceu o argentino de virada, por 2 sets a 1, com parciais de 4/6, 6/2 e 6/4, e recolocou o Brasil em uma final de Pan. A última final de um brasileiro havia sido com Rogerio Dutra Silva em Guadalajara-2011, quando ficou com a prata. O adversário do brasileiro será o chileno Marcelo Tomas Barrios, que derrotou na outra semifinal o argentino Guido Andreozzi por 2 sets a 1, com 7/5, 4/6 e 6/2.

O mineiro de 22 anos tenta ser o sexto tenista brasileiro a conquistar a medalha de ouro em um Pan. Desde 1951, Ronald Barnes em São Paulo-1963, Thomaz Koch em Winnipeg-1963, Fernando Roese em Indianápolis-1987, Fernando Meligeni em Santo Domingo-2003 e Flávio Saretta no Rio-2007 foram os campeões pan-americanos.

Atual número 212 do ranking ATP, Menezes precisa se manter entre os 300 do mundo para confirmar sua participação nos Jogos Olímpicos de Tóquio. O tenista contou após o jogo que estava mais tenso na semifinal justamente pela possibilidade da classificação olímpica.

"É óbvio que eu quero ganhar o ouro, mas o jogo de hoje era muito mais tenso que amanhã porque era uma vaga olímpica que estava em jogo", afirmou ao Sportv.

Além das vagas aos medalhistas de ouro e prata do Pan, a classificação para o torneio olímpico em simples terá os 56 melhores do ranking ATP, os vencedores dos Jogos Asiáticos e dos Jogos Africanos, o melhor ranqueado da Europa e o melhor da Oceania de países que não tenham jogadores classificados de forma direta, além de duas vagas que serão definidas por uma comissão tripartidária formada pelo Comitê Olímpico Internacional, a organização dos Jogos Olímpicos de Tóquio e a Federação Internacional de Tênis.

Carol Meligeni joga pelo bronze

Outra brasileira que estava nas semifinais de simples do Pan, Carolina Meligeni Alves foi derrotada pela americana Caroline Dolehide por 2 sets a 0, com parciais de 7/6 e 6/2, ficando fora da final do Pan, que será decidida entre Dolehide e a argentina Nadia Podoroska.

Sobrinha de Fernando Meligeni, ela jogará neste domingo pela medalha de bronze contra a paraguaia Veronica Cepede Royg, cabeça de chave 1 do torneio pan-americano.