UOL esporte

  • http://esporte.uol.com.br/lutas/vale-tudo/ultimas-noticias/2011/12/08/dana-confirma-negociacao-para-evento-em-estadio-no-brasil-e-ve-copa-do-mundo-proxima.htm
  • Dana confirma negociação para evento em estádio no Brasil e vê 'Copa do Mundo' próxima
  • 22/01/2022
  • UOL Esporte - Lutas
  • UOL Esporte
  • @UOLEsporte @UOL
  • 2
Tamanho da letra
Dana White participa de coletiva do UFC 140 no Canadá, com Jon Jones e Lyoto Machida

Dana White participa de coletiva do UFC 140 no Canadá, com Jon Jones e Lyoto Machida

08/12/2011 - 16h58

Dana confirma negociação para evento em estádio no Brasil e vê 'Copa do Mundo' próxima

Do UOL Esporte
Em São Paulo

O presidente do UFC, Dana White, afirmou nesta quinta-feira que dois grandes sonhos estão mais próximos de serem realizados. Em coletiva para o UFC 140, sábado no Canadá, ele confirmou a negociação para o Brasil receber uma noitada de lutas em um estádio - fortalecendo os rumores de uma programação no estádio do Morumbi, em São Paulo - e afirmou que a realização de uma “Copa do Mundo” de MMA tem grandes chances de ser colocada em prática em um futuro próximo.

“Eu gosto de estar em estádios. Estamos estudando realizar um grande evento no Brasil, no verão (do hemisfério norte)”, disse ele. O UOL Esporte apurou que São Paulo pode receber uma edição no mês de junho - data que coincidiria com o encerramento da estreia brasileira  do reality show The Ultimate Fighter.

“Não podemos fazer sempre eventos para 55 ou 60 mil pessoas, como tivemos no Canadá (UFC 129), mas prefiro fazer numa arena aos ginásios”, completou ele.

Depois da realização do UFC Rio, a organização chegou a visitar o estádio do Morumbi. Até agora não houve acertos, mas especula-se que um combate tendo Anderson Silva como principal estrela na capital paulista pode acontecer no meio do ano, como Dana esclareceu.

Sobre uma Copa do Mundo, o primeiro passo foi dado com a confirmação do The Ultimate Fighter no Brasil. O reality será disputado de março a junho e dará contratos no UFC para os vencedores de cada categoria. Para o projeto do Ultimate ser realizado, é necessário manter a expansão, espalhando o programa para mais países.

“Vou segunda-feira para o Brasil e vamos fazer a seleção dos lutadores. Depois desta edição, vamos fazer também no Canadá, Reino Unido e Austrália. Trabalhamos muito e agora está acontecendo. E, quando conseguirmos começar temporadas destes realities juntas, a ideia é que os vencedores de cada país se enfrentem, como numa Copa do Mundo. Estamos a caminho disso e estou muito animado”, explicou Dana.

Placar UOL no iPhone