PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Fifa estuda seleções com 26 jogadores convocados na Copa do Mundo de 2022

Entidade máxima do futebol estuda passar de 23 para 26 o número de convocados para a próxima Copa - Lucas Figueiredo/CBF
Entidade máxima do futebol estuda passar de 23 para 26 o número de convocados para a próxima Copa Imagem: Lucas Figueiredo/CBF

Do UOL, com Lancepress, no Rio de Janeiro

17/02/2022 13h42

A Fifa estuda liberar que as seleções classificadas para a disputa da Copa do Mundo convoquem 26 jogadores. A informação inicial é do "GE", confirmada pelo UOL.

Por causa dos efeitos da epidemia de covid-19, a entidade máxima do futebol pensa em ampliar o tradicional número de 23 jogadores selecionáveis. No entanto, o corpo técnico da Fifa e o congresso internacional do organismo, que deve ser realizado entre o fim de março e o início de abril, ainda precisa discutir algumas questões, como número de atletas que poderão ser relacionados para uma partida.

A Fifa levará em conta, por exemplo, a opinião dos técnicos das seleções nacionais que forem ao sorteio dos grupos, em 1º de abril, no Qatar. É de praxe realizar seminários entre os treinadores e a entidade.

Ainda não há uma certeza se esses três jogadores excedentes poderiam ser convocados para um jogo. O número de atletas disponíveis para iniciar um confronto no banco de reservas também precisa ser definido nos próximos meses. Esses tópicos estarão na lista de assuntos a tratar com os técnicos.

Na última convocação da seleção brasileira, Tite já havia chamado 26 atletas para os confrontos contra Equador e Paraguai pela Eliminatória da Copa do Mundo. Há a expectativa de que o comandante do Brasil convoque novamente 26 nomes para os duelos contra Chile e Bolívia.

Esporte