PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Após minimizar chuteira 'verde' de Jô, Sheik muda discurso e diz que atacante cometeu 'erro grave'

22/06/2021 10h50


O ex-jogador Emerson Skeik e comentarista esportivo do Arena SBT, que nesta segunda postou foto de uma chuteira esverdeada que usou na final da Libertadores de 2012 pelo Corinthians como forma de relativizar a pressão sobre Jô, que foi multado pelo Timão, resolveu voltar atrás e dizer que o erro do atacante foi grave e que ele nunca usou uma peça verde dentro do clube.

+ Veja a tabela do Campeonato Brasileiro

- A final da Libertadores, eu joguei com uma chuteira branca e verde, fiz dois gols e fui campeão - disse o ex-atacante, ontem, à TV Gazeta. Em seu Instagram, Sheik publicou uma foto das chuteiras e questionou seus seguidores sobre a cor do calçado, se seria verde ou amarelo.

Ainda nesta segunda, à noite, ao vivo no programa esportivo do SBT, Sheik mudou o tom.

- Dentro do Corinthians, a ideia do Andrés (Sanchez, ex-presidente) era pintar o gramado da Arena de preto. A Fifa não autorizou. Quase uma década dentro do clube, nunca entrei e nunca vi um funcionário entrar com uma roupa verde. O Jô errou absurdamente. Ele errou, e foi uma falha grave - disse.

Ainda sobre o Timão, Sheik afirmou que o Corinthians não tem condições de contratar ainda nesta temporada e que a luta do clube é para não cair para a segunda divisão do Brasileirão.

- O torcedor tem que escolher, ou contrata e entra numa dívida maior ou segura, fica com o elenco que tem e tenta não cair. Quem ganha jogos são os jogadores. A culpa de tudo que está acontecendo é o jogador. O jogador tem que entrar em campo e fazer a parte dele, e não está fazendo - disse.

- Eu continuo saindo em defesa do Duílio (presidente do Corinthians). O torcedor precisa entender que esse ano esquece, acabou, é torcer para não cair, porque o time não está legal. E se o Duílio sair contratando, aí que vai desandar mais ainda - completou..

Futebol