PUBLICIDADE
Topo

Dirigente do Internacional coloca ideia de competições de 2020 'invadirem' 2021

31/03/2020 10h19

Para o vice-presidente do Internacional, Alexandre Barcellos, todas as partes envolvidas na organização e realização das competições deveriam considerar a possibilidade de, em readequação ao calendário, postergar o término das competições da atual temporada para 2021.

Segundo Alexandre, em entrevista a RBS TV, essa seria uma forma possível de não se fazer nenhum tipo de mudança de fórmula de disputa e permitir que tudo o que está agendado seja devidamente disputado:

- É necessário que se sente em uma mesa com quem faz o futebol, entidades, clubes e patrocinadores, para que a partir daí a gente possa encontrar uma solução que seja adequada. Eu sei que é muito difícil prever essa equação, mas é necessário que se busque uma forma de manter a Copa do Brasil, o Campeonato Brasileiro, Libertadores dentro daquilo que for possível. Mesmo que isso signifique adentrar 2021 disputando alguma dessas competições.

Pensando especificamente no planejamento que o Inter tem feito para reduzir o impacto do prejuízo financeiro com a paralisação forçada, o vice-presidente não deu maiores detalhes sobre as medidas. Contudo, garante que uma redução de custos e até mesmo modificar a lógica de gestão serão pontos não apenas possíveis como necessários:

- Essa pandemia mudou a relação do que estava acontecendo ou sendo planejado para 2020. Jamais imaginaríamos que teríamos um impacto desse tamanho. Temos que buscar soluções para chegar ao final do ano minimamente adequados. Mas viemos já desde o início do ano com a readequação e redução de custos. Devido a isso, a gente vai replanejar, firmes nessa lógica de que precisamos fazer mais com menos.

Futebol