PUBLICIDADE
Topo

Com futuro indefinido no Flamengo, Rhodolfo avisa: 'Tenho que trabalhar até o último dia'

07/12/2019 17h11

Às vésperas de ter o seu contrato encerrado com o Flamengo, Rhodolfo ainda não sabe se permanecerá no clube para a próxima temporada. O zagueiro foi titular nos três últimos jogos da equipe de Jorge Jesus, desde o título da Libertadores, e falou a respeito de seu futuro logo após o último compromisso.

- Meu foco total é o Flamengo, e, aqui, com Jesus, vocês viram que ele não deixa afrouxar. Tivemos essas finais e em momento algum pensei após o contrato. Até brinco com os jogadores: "Estou empregado até o dia 31 (de dezembro), depois estou sem emprego" - falou o camisa 44, antes de projetar a respeito do Mundial do Clubes:

- Vou dar a minha vida pelo Flamengo, tem o Mundial pela frente, quero ser campeão. É um foco que não deve ser apenas dos jogadores que têm contrato longo. Seria sacanagem eu ir para lá (Qatar) com a cabeça em outro lugar. Não depende só de mim ficar, mas Deus sabe o que faz. Tenho que trabalhar até o último dia - completou, na zona mista do Maracanã.

Rhodolfo foi titular ao lado de Rodrigo Caio e Thuler neste período após a conquista do bicampeonato da Libertadores. Aos 33 anos e com vínculo até o fim deste mês, o defensor entrou na vaga de Pablo Marí, pelo lado esquerdo.

Para o jogo deste domingo, às 16h, contra o Santos, Marí - que teve lesão no tornozelo e ir à Espanha para renovar o passaporte - está novamente à disposição de Jorge Jesus. Rhodolfo, monitorado pelo mercado e que não tende a estender o vínculo com o Rubro-Negro, deve encerrar o Brasileiro no banco.

Futebol