PUBLICIDADE
Topo

Esporte

STJD pode punir Felipe Melo por manifestação política

18/09/2018 12h39

As declarações de Felipe Melo após o gol de empate último jogo contra o Bahia no Campeonato Brasileiro ainda repercutem no cenário nacional. O volante, que dedicou o gol à Jair Bolsonaro em entrevista à 'Rede Globo', pode ser punido pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) pela manifestação.

"Esse gol vai para nosso futuro presidente, o Bolsonaro. É muito importante seguir nessa sequência de não perder." - expressou Felipe.

Mesmo não existindo nenhum artigo no Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD) que impeça um atleta de manifestar sua opinião política, o meia poderá ser julgado por se tratar de do primeiro caso sobre o assunto no futebol brasileiro. A Procuradoria do STJD teme que a atitude de Felipe Melo vire rotina entre os jogadores.

- Não lembro de nenhum caso similar. Talvez fosse o caso de avaliar a denúncia e deixar que o tribunal veja se foi uma conduta correta ou não. Confesso que disciplinarmente deve ser cautelosamente avaliado. Imagina se vira moda. - comentou Felipe Bevilacqua, procurador-geral do STJD, ao jornal 'Folha de São Paulo'.

O caso do jogador do Palmeiras pode ser incluído no artigo 258 do CBJD. Esta parte traz a informação de punições previstas a condutas disciplinares ou antiéticas não esclarecidas no código. Se realmente for punido, Felipe Melo pode pegar até seis partidas de suspensão.

"Assumir qualquer conduta contrária à disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste código" - traz o texto.

Ainda segundo o procurador-geral do STJD, por se tratar de um caso exclusivo, o Palmeiras também pode ser penalizado:

- Como falei, esse fato é único. Nada que inviabilize também uma punição ao clube. - finalizou o membro do órgão.

Esporte