PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Mauro: Se houver ruptura entre Cristiano e United, será pior pra todos

Colaboração para o UOL, em Santos (SP)

28/01/2022 11h00

O clima tenso entre Cristiano Ronaldo e Manchester United foi um dos temas abordados por Mauro Cezar Pereira no quadro "Fala, Maurão". O colunista do UOL Esporte cita o equilíbrio como caminho para jogador e clube se acertarem e diz que CR7 tem razão em algumas afirmações dadas nas últimas semanas.

Recentemente, com o time então na sétima posição do Campeonato Inglês, Cristiano Ronaldo deu a seguinte declaração à Sky Sports: "Não aceito que a nossa mentalidade seja menos do que estar entre os três primeiros da Premier League. Não quero estar aqui para estar em quinto, sexto ou sétimos lugares. Estou aqui para tratar de ganhar, de competir".

Para Mauro Cezar, Cristiano Ronaldo acerta, apesar de, às vezes, exagerar no tom: "Com um time desse tamanho, e um jogador dessa importância, há sempre de se buscar o consenso. O jogador cede um pouco, as pessoas administram um pouco seus egos... É preciso sabedoria, equilíbrio e calma para não fazer uma bobagem".

"O clube não vive um bom momento e não é de hoje. Não consegue brigar por títulos e, algumas reclamações feitas por Cristiano Ronaldo são pertinentes. O Manchester não pode ser um time para brigar por vaga em Liga dos Campeões, tem que brigar por títulos. Esse deve ser o foco de um clube tão grande, e isso ele tem razão", acrescenta.

"Passou um pouco do ponto em uma declaração ou outra? Sim, de fato. Mas, convenhamos. Se os dois lados não cederem e houver uma ruptura, será pior para todos. Para o clube porque perde um jogador dessa importância. E para o jogador porque ele terá que reiniciar sua caminhada em algum outro clube quando o tempo vai ficando cada vez mais curto para ele. Então, equilíbrio, bom senso e calma podem ser a saída para que o clube pode ser contornado pelos lados de Old Trafford", completa.

Esporte