PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Oeste aproveita falhas, vence por 2 a 0 e elimina o Flamengo da Copinha

Com uma falha em cada tempo, Flamengo sofreu com o Oeste e está fora da Copinha - Gilvan de Souza/CRF
Com uma falha em cada tempo, Flamengo sofreu com o Oeste e está fora da Copinha Imagem: Gilvan de Souza/CRF

15/01/2022 21h28

Classificação e Jogos

No repeteco da partida na fase de grupos, o Oeste acabou levando a melhor e venceu o Flamengo por 2 a 0, garantindo sua classificação para as oitavas de final da Copa São Paulo de Juniores. Os gols da partida foram marcados por Popó e Reifit, ambos com falhas do time carioca.

Na última terça-feira, os adversários fizeram uma das melhores partidas da fase de grupos, quando o Oeste abriu 3 a 0 com 20 minutos, mas o Flamengo buscou o empate já no apagar das luzes. Desta vez, o jogo foi bem menos emocionante e marcado principalmente pelos erros das duas equipes.

Nas oitavas, o adversário do Oeste será o Canaã. Na manhã deste sábado, a equipe baiana venceu o Juventus por 1 a 0 e se classificou dentro do Estádio da Rua Javari.

Equilíbrio, faltas e pouca inspiração

A partida começou com os dois times se estudando, mas, aos poucos, o Flamengo se soltou mais e passou a ter mais iniciativas em campo. A melhor oportunidade rubro-negra foi também uma das poucas boas chances do primeiro tempo, e aconteceu no chute de Petterson, que invadiu a área, mas viu o goleiro Alê fazer uma ótima defesa. No lado do Oeste, o time produziu no máximo um chute travado de Popó. Em comum, as equipes foram para o intervalo após 45 minutos muito parelho, mas sem inspiração e com muitas faltas em campo.

Torcidas impacientes

O jogo de hoje não esteve nem perto daquele 3 a 3 da fase de grupos. No início do segundo tempo, chamou atenção a falta de paciência das duas torcidas por causa dos frequentes erros de Fla e Oeste.

Oeste cresce e marca após falha

O time da casa já estava melhor no segundo tempo quando abriu o placar com Popó. O sexto gol do atacante veio em uma falha na saída de bola do Flamengo e que acabou nos pés de Kauã. O cruzamento rasteiro saiu na medida para o artilheiro só escorar e abrir o placar.

Fla acusa o golpe, perde forças e leva o segundo

Se o primeiro tempo não foi bom, o segundo tempo do Flamengo seguiu bastante improdutivo. Principalmente depois do gol sofrido, o time se desorganizou ainda mais em campo e passou a buscar o empate na base do desespero. Além da postura defensiva sólida, o Oeste ainda recorreu às faltas e à famosa cera para fazer o tempo passar e comemorar a classificação. Nos acréscimos, ainda deu tempo de uma nova falha decretar de vez a eliminação do Fla. Igor Jesus bobeou na saída de bola, Reifit invadiu a área e bateu na saída do goleiro Bruno para dar números finais ao confronto.

Futebol