PUBLICIDADE
Topo

Liga dos Campeões - 2021/2022

Champions: Atlético de Madri bate Porto de maneira heroica e vai às oitavas

Griezmann comemora gol marcado pelo Atlético de Madri diante do Porto, pela Champions League - MIGUEL RIOPA / AFP
Griezmann comemora gol marcado pelo Atlético de Madri diante do Porto, pela Champions League Imagem: MIGUEL RIOPA / AFP

Do UOL, em São Paulo

07/12/2021 18h55Atualizada em 07/12/2021 19h30

Classificação e Jogos

A tensão marcou a partida entre Porto e Atlético de Madri, válida pela última rodada da fase de grupos da Champions League. Melhor para os espanhóis, que conseguiram uma vitória por 3 a 1 fora de casa e, com o resultado negativo do Milan diante do Liverpool, avançaram às oitavas de final da competição com sete pontos.

O time português, por outro lado, se despede do torneio no Estádio do Dragão. A equipe treinada por Sergio Conceição somou cinco pontos em seis partidas.

Repleto de faltas e confusões, o confronto teve três expulsões, todas no 2° tempo. Os gols também saíram na etapa final e foram marcados por Griezmann, Correa e De Paul —os dois últimos já nos acréscimos. Sérgio Oliveira descontou para o Porto no último lance do duelo.

A classificação do Grupo B ficou assim:

  1. Liverpool - 18 pontos
  2. Atlético de Madri - 7 pontos
  3. Porto - 5 pontos
  4. Milan - 4 pontos

O UOL Esporte resumiu o que foi o duelo entre portugueses e espanhóis. Confira abaixo:

Começo tenso e lesão de Suárez

A partida começou travada no meio de campo e recheada de faltas e desarmes. A grande novidade inicial foi a lesão de Luis Suárez, que sentiu um problema físico na coxa e saiu de campo chorando ainda aos 12 minutos —ele foi substituído pelo brasileiro Matheus Cunha.

Passada a tensão inicial, o Porto fez valer a presença de seus torcedores e conseguiu, além de manter a posse de bola, dominar as principais ações do confronto.

Porto ataca - e leva susto

A iniciativa proporcionou contra-ataques para o Atlético de Madri, que usava a velocidade para sair em bloco e assustar os mandantes.

Em um deles, já aos 21 minutos, Carrasco limpou três marcadores pela esquerda e rolou para Lemar. O francês bateu cruzado e viu a bola passar por Griezmann. Llorente, já na direita do ataque português, chutou forte e obrigou Diogo Silva a fazer ótima defesa.

Nesta altura da partida, o Milan abriu o placar contra o time misto do Liverpool e tirou momentaneamente o Porto da zona de classificação. Salah, no entanto, empatou para os ingleses na sequência.

Luiz Díaz reclama de "cama de gato" dada por Vrsaljko no duelo entre Porto e Atlético de Madri - Pedro Nunes/Reuters - Pedro Nunes/Reuters
Luiz Díaz reclama de "cama de gato" dada por Vrsaljko no duelo entre Porto e Atlético de Madri
Imagem: Pedro Nunes/Reuters

Pressão portuguesa

Aos 30 minutos, foi a vez de os mandantes quase abrirem o placar. João Mario fez boa jogada pela direita e cruzou rasteiro para Evanílson. De primeira, o brasileiro finalizou e parou em Oblak, que mostrou reflexo em dia e espalmou.

Pouco antes do fim da etapa inicial, Grujic se infiltrou e recebeu na entrada da área. O sérvio bateu rasteiro ao gol do Atlético de Madri e, mais uma vez, viu o goleiro da equipe espanhola trabalhar.

Taremi desperdiça duas vezes

Logo no primeiro minuto do 2° tempo, o Porto teve mais uma oportunidade de abrir o placar. Oblak e Carrasco se desentenderam, e Otávio roubou a bola. Rapidamente, o meia acionou Taremi, mas o atacante chutou para cima da meta espanhola.

Cinco minutos depois, o iraniano recebeu mais uma bola em condições de balançar a rede adversária. Após jogada de Luis Díaz pela esquerda, ele bateu cruzado e viu o goleiro do Atlético fazer mais uma defesa.

Taremi parou em Oblak e desperdiçou boa chance de gol para o Porto - MIGUEL RIOPA / AFP - MIGUEL RIOPA / AFP
Taremi parou em Oblak e desperdiçou boa chance de gol para o Porto
Imagem: MIGUEL RIOPA / AFP

Quem não faz, toma!

O Atlético de Madri, apostando nos contra-ataques e nas bolas paradas, abriu o placar aos 10 minutos da etapa complementar.

Em escanteio, Griezmann se desvencilhou da marcação e, por trás de todos os defensores do Porto, aproveitou um desvio e empurrou a bola para o gol de Diogo Costa: 1 a 0.

O gol foi quase "duplo" para os espanhóis. Isso porque, simultaneamente, o Liverpool virou sobre o Milan e, com isso, tirou os italianos do 2° lugar da chave, colocando justamente o time de Diego Simeone nas oitavas de final da Champions.

Cunha quase aniquila o Porto

Pouco depois do gol de Griezmann, Matheus Cunha aproveitou contra-ataque e disparou em direção ao gol. Ele deu uma cavadinha e deslocou o goleiro, mas Pepe afastou a bola já na pequena área.

Briga generalizada e expulsões

Carrasco, do Atlético de Madri, se irritou com Otávio, do Porto, e foi expulso após atingir o adversário - Pedro Nunes/Reuters - Pedro Nunes/Reuters
Carrasco, do Atlético de Madri, se irritou com Otávio, do Porto, e foi expulso após atingir o adversário
Imagem: Pedro Nunes/Reuters

Aos 21 minutos, uma discussão em cobrança de lateral desencadeou uma confusão que envolveu ao menos quatro atletas.

Irritado com os jogadores do Porto, Carrasco acertou o braço no queixo de Otávio e acabou tomando cartão vermelho direto.

Dois minutos depois, um lance similar gerou a expulsão de Wendell, que havia acabado de entrar no lugar de Zaidu. O lateral brasileiro, ao pegar a bola perto do banco de reservas do Atlético, deixou o braço no pescoço de Matheus Cunha.

Marchesín, goleiro reserva do Porto, também tomou o cartão vermelho da arbitragem em meio à confusão.

Três gols nos acréscimos e vaga espanhola nas oitavas

Já nos acréscimos, o Atlético de Madri, fechado ao melhor estilo Simeone, conseguiu matar o jogo.

Em contra-ataque puxado por Griezmann, Correa recebeu pelo meio e, com calma, bateu cruzado e estufou a rede portuguesa: 2 a 0.

De Paul, um minuto depois, ampliou o placar já dentro da área e fez a festa dos espanhóis: 3 a 0.

De pênalti, Sérgio Oliveira ainda descontou para o Porto no último lance do confronto.

Ficha técnica: Porto 1x3 Atlético de Madri

Torneio: Champions League (6ª rodada do Grupo B)

Data: 7 de dezembro de 2021

Local: Estádio do Dragão, em Portugal

Horário: 17h (de Brasília)

Gols: Griezmann (10 minutos do 2° tempo), Correa (45 minutos do 2° tempo), De Paul (46 minutos do 2° tempo) e Sérgio Oliveira (48 minutos do 2° tempo)

Porto: Diogo Costa; João Mario (Sérgio Oliveira), Mbemba, Pepe e Zaidu (Wendell); Vitinha, Grujic (Corona), Otávio (Fábio Vieira) e Luiz Díaz; Taremi (Toni Martínez) e Evanílson. Técnico: Sérgio Conceição

Atlético de Madri: Oblak; Vrsaljko, Kondogbia, Hermoso e Carrasco; De Paul, Koke, Llorente e Lemar (Correa); Griezmann e Suárez (Matheus Cunha) (Renan Lodi). Técnico: Diego Simeone