PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Copa América pode sair da Argentina e ser transferida para os EUA, diz TV

Competição sul-americana pode parar nos EUA diante do aumento de casos de covid-19 na Argentina - Anadolu Agency/Getty Images
Competição sul-americana pode parar nos EUA diante do aumento de casos de covid-19 na Argentina Imagem: Anadolu Agency/Getty Images

Do UOL, em São Paulo

25/05/2021 15h45Atualizada em 25/05/2021 15h49

Classificação e Jogos

A próxima edição da Copa América, prevista para começar no próximo dia 13 de junho na Argentina, pode ser transferida de maneira emergencial para os EUA.

De acordo com a NBC Sports, a Conmebol, organizadora do evento, teme que a situação do coronavírus piore no país sul-americano ao ponto de inviabilizar o torneio.

Na semana passada, a Argentina decretou a paralisação do futebol até o dia 31 de maio em meio a um novo avanço de casos de covid-19.

Em meio ao impasse, ainda segundo a TV, a entidade estuda a possibilidade de os norte-americanos - que não participam do campeonato - sediarem a Copa América, já que o país está com a vacinação bastante avançada e em uma queda drástica de infectados.

O plano inicial da Conmebol, aliás, era dividir as partidas do campeonato entre Argentina e Colômbia.

O país presidido por Ivan Duque Martínez, no entanto, foi deixado de lado em meio aos protestos políticos que assolam o país e que já prejudicaram jogos, inclusive, da Libertadores.

Esporte