Topo

Futebol


'Cuca xingou minha mãe', diz Castan após bate-boca com técnico do São Paulo

Bruno Braz

Do UOL, no Rio de Janeiro

25/08/2019 19h36

O clima ficou quente entre o treinador Cuca, do São Paulo, e o zagueiro Leandro Castan, do Vasco. Eles discutiram asperamente após a partida em que o Cruz-maltino venceu por 2 a 0 o Tricolor em São Januário e o defensor deu sua versão sobre o desentendimento, afirmando que o técnico xingou sua mãe.

"Dentro de campo não vou dar bom dia e boa tarde para ninguém. Vou jogar sempre firme. Se tiver que ser chato, vou ser chato, vou defender meu time, mas nunca desrespeitei ninguém. Depois do jogo o Cuca acabou xingando minha mãe. Ele foi tirar satisfação comigo, eu fui tirar satisfação com ele... Não sei se o juiz me deu cartão amarelo. Acho que o importante que é exaltar a vitória do Vasco", declarou na zona mista.

Cuca na discussão com Castan - Reprodução / TV Globo
Cuca na discussão com Castan
Imagem: Reprodução / TV Globo

Castan revelou também que Cuca disse o que pensa sobre o zagueiro, mas o jogador fez pouco caso e voltou a afirmar que não irá "aliviar" para os adversários:

"O Cuca falou algumas coisas que ele pensa sobre mim. Eu respeito muito ele como treinador, mas ele não me conhece, não sabe da minha índole, então o que ele pensa sobre mim, de verdade, me interessa zero. Quando eu chegar em casa vou dar um abraço nos meus filhos. E só para deixar claro: quem vier jogar aqui e quem vier jogar contra mim, eu não vou aliviar para ninguém, dar bom dia, boa tarde".

Na confusão, o zagueiro vascaíno Werley tentou conter Castan, mas o defensor, irritado, não gostou e chegou a discutir também com seu companheiro de equipe, algo que ele depois colocou panos quentes.

"Ele quis me tirar ali na hora, mas o Werley é amigo meu. Estava me defendendo", disse.

A versão de Cuca foi outra. O treinador relembrou uma partida entre Santos e Vasco do ano passado. Na ocasião, o técnico comandava o Alvinegro praiano e o beque vascaíno havia cobrado o atacante Gabigol por ter supostamente menosprezado o rival.

Mais Futebol