Topo

Seleção Brasileira


Crianças ainda citam Neymar, mas Coutinho cresce na preferência da torcida

Torcedores na porta do hotel da seleção brasileira - Diego Salgado/UOL Esporte
Torcedores na porta do hotel da seleção brasileira Imagem: Diego Salgado/UOL Esporte

Diego Salgado

Do UOL, em São Paulo

14/06/2019 19h36

Apesar de estar fora da Copa América, o lesionado Neymar ainda chama a atenção da torcida. Antes de a delegação embarcar no ônibus rumo ao Morumbi, na porta do hotel onde a seleção brasileira está hospedada, boa parte dos fãs, principalmente as crianças, citava o astro do Paris Saint-Germain. As opiniões divergiam entre o apoio ao craque e o alívio por ver que outros jogadores poderão se destacar na competição.

"Sem o Neymar, a equipe ficou mais coletiva. Eles descentralizaram um pouco, abriu mais o time e todo mundo teve possibilidade de jogo. Poderia ser até mais fácil com o Neymar em campo, mas com o jogo mais centralizado em cima dele. Agora, a seleção dá mais responsabilidade para outras pessoas, como o David Neres que tem a chance de mostrar o futebol dele", disse Eduardo Malta, de 14 anos.

Na hora de o time sair do hotel com destino ao Morumbi, Philippe Coutinho era um dos mais ovacionados por cerca de 50 pessoas. Os torcedores acreditam que o futebol do meia pode ganhar mais destaque sem a presença de Neymar. Na estreia, hoje, a partir das 21h30, no Morumbi, a equipe do técnico Tite encara a Bolívia.

"O Brasil consegue ir sem o Neymar, porque não podemos depender só de um jogador. Ainda mais pela atitude dele quando deu um soco no torcedor, não gostaria de vê-lo. Não concordo com a convocação dele. Para mim, o jogador mais importante é o Philippe Coutinho", afirmou Wellington de Pádua, de 45 anos.

Seleção Brasileira