PUBLICIDADE
Topo

Futebol


Com boa disputa no Cruzeiro, Rodriguinho ainda deixa saudade no Corinthians

Meia começou o ano voando, mas ganhou a concorrência de Thiago Neves e terá trabalho duro para se firmar como titular - Thomás Santos/AGIF
Meia começou o ano voando, mas ganhou a concorrência de Thiago Neves e terá trabalho duro para se firmar como titular Imagem: Thomás Santos/AGIF

Enrico Bruno e Samir Carvalho

Do UOL, em Belo Horizonte e em São Paulo

08/06/2019 04h00

O duelo entre Cruzeiro e Corinthians, hoje, às 19h (de Brasília), no Mineirão, válido pela oitava rodada do Campeonato Brasileiro, marca o reencontro do clube paulista com o meia Rodriguinho, que virou um dos ídolos da torcida alvinegra nos últimos anos e hoje defende o time celeste.

Chamado até de "Reidriguinho" por grande parte dos torcedores corintianos, o meia começou o ano voando no Cruzeiro, mas sentiu a falta de ritmo e passou a ser poupado em alguns jogos. Mesmo sem jogar as últimas partidas, Rodriguinho ainda é o vice-artilheiro da equipe, mas já começa a ver o companheiro e também concorrente Thiago Neves pedir passagem entre os prediletos de Mano.

No Corinthians, por sua sua vez, Rodriguinho faz falta em campo desde a sua saída para o Pyramidis, do Egito, no ano passado. Apesar de muitas contratações, o técnico Fábio Carille ainda não acertou um substituto que faça a mesma função no meio-campo.

Seu estilo de jogo o faz ser chamado também de jogador "quebra linhas". Outro termo bastante utilizado no futebol moderno para explicar a função do atual meia do Cruzeiro é o "box-to-box", que equivale ao volante que sabe jogar de área a área.

No Corinthians, Rodriguinho já atuou como segundo volante, meia centralizado e até meia pelas beiradas. Carille ainda não acertou um substituto em nenhuma dessas funções. Atualmente, o treinador utiliza Junior Urso como volante, jogador que já mostrou não ser tão "vertical" como o meia do Cruzeiro.

Na equipe celeste, Rodriguinho começou o ano como armador. Porém, não é segredo que Mano utilizará a Copa América para tentar achar uma formação para ele jogar ao lado de Thiago Neves. Pode ser que uma passe a jogar nas pontas ou que o treinador até mude o esquema tático da equipe.

Hoje, na função de principal organizador, também exercida por Rodriguinho no Timão, Carille conta com Sornoza e Jadson. Porém, a dupla não engrenou e nenhum deles virou titular absoluto nesta temporada.

Os números também provam que Rodriguinho também deixou saudades no Corinthians. Em 175 jogos, ele marcou 35 gols e foi responsável por 23 assistências. No Cruzeiro, o meia realizou 20 dos 31 jogos do time na temporada (19 como titular). Além das duas assistências, tem se aproximado bastante da área e já anotou oito gols, número inferior somente aos Fred na artilharia da equipe.

CRUZEIRO x CORINTHIANS

Motivo: 8ª rodada do Brasileirão
Data: 08/06/2019
Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Hora: 19h (de Brasília)
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ/CBF)
Assistentes: Silbert Faria Sesquim (RJ) e Carlos Henrique Alves (RJ)
VAR: Rodrigo Carvalhaes de Miranda (RJ)

CRUZEIRO: Fábio; Lucas Romero, Léo, Dedé e Dodô; Henrique, Ariel Cabral; Thiago Neves, Robinho e Marquinhos Gabriel (Pedro Rocha); Sassá. Técnico: Mano Menezes

CORINTHIANS: Walter; Michel Macedo, Marllon, Henrique e Danilo Avelar; Ralf (Richard), Junior Urso e Sornoza; Jadson (Ramiro), Clayson e Gustavo (Boselli). Técnico: Fábio Carille.

Futebol