Topo

Futebol


Gremistas são detidos por "surfe no ônibus" antes de clássico Gre-Nal

Torcedores do Grêmio detidos passam em meio a colorados antes de Gre-Nal - Marinho Saldanha/UOL
Torcedores do Grêmio detidos passam em meio a colorados antes de Gre-Nal Imagem: Marinho Saldanha/UOL

Jeremias Wernek e Marinho Saldanha

Do UOL, em Porto Alegre

14/04/2019 14h12

Ao menos 12 torcedores do Grêmio foram detidos nos momentos que antecederam o clássico Gre-Nal que abre a final do Gauchão. O motivo foi o movimento de "surfe no ônibus", que consiste em sair pelo teto solar do veículo em movimento e ficar de pé sobre ele.

Os torcedores foram identificados pela Brigada Militar e encaminhados ao Jecrim (Juizado Especial Criminal) do Beira-Rio. E no deslocamento passaram em meio aos colorados, que vibraram e aplaudiram.

Algemados e entre os policiais, os aficionados, nove homens e três mulheres em contagem inicial da reportagem do UOL Esporte, os gremistas precisaram passar em meio aos torcedores rivais, que gritavam e ensaiavam arremesso de objetos neles.

Mas qualquer ação contra os detidos foi rapidamente contida pelos homens da lei, que levaram todos até o local onde assinaram um termo circunstanciado.

Não houve registro de incidentes na chegada da torcida rival. Foram 40 ônibus que transportaram os aficionados até o local da partida. Torcedores do Inter que esperavam para provocações e ameaças, também foram contidos. Rojões que poderiam ser utilizados contra os visitantes foram apreendidos antecipadamente e os dois colorados portadores deles também encaminhados ao Jecrim, segundo apurou a reportagem.

Grêmio e Inter jogam em duelo de ida da final do Gauchão a partir das 16h (de Brasília) no Beira-Rio.

Mais Futebol