PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Atleta deixa time colombiano e acusa ex-companheiro de assediar sua mulher

Ovelar disse que não há mais clima para seguir no Junior de Barranquilla após polêmica - Divulgação
Ovelar disse que não há mais clima para seguir no Junior de Barranquilla após polêmica Imagem: Divulgação

Do UOL, em São Paulo

19/12/2017 15h58

O atacante Roberto Ovelar comunicou que deixa o Junior Barranquilla após sua mulher ser assediada supostamente por Teo Gutiérrez, atacante da equipe. Em nota oficial, Ovelar afirma não ter mais clima para seguir na equipe após o episódio e que esse atrito com Gutiérrez prejudicaria todo o elenco.

No comunicado, Ovelar diz que sua mulher o procurou para denunciar mensagens amorosas enviadas pela conta oficial de Téo Gutiérrez. Ovelar chamou Gutiérrez para conversa. Gutiérrez, na época, negou ter assediado e disse que não comandava sua conta oficial nas redes sociais.

A pessoa que seria a responsável por publicar na conta de Téo também negou qualquer mensagem para a mulher. Sem saber o autor das mensagens, Ovelar preferiu se desligar do Junior Barranquila.

“Gostaria de que isso fosse resolvido de outra forma, mas não contava com pessoas inescrupulosas e sem moral algum, enviando mensagens e áudios que causaram escândalo em minha vida privada”, comunicou Ovelar.

“Deixo o clube lembrando de grandes momentos e de grandes amigos que fiz”, finalizou.

 

El éxito se disfruta con quien te ayudo a conseguir @angieygladys19

A post shared by Bufalo Ovelar ⚽ (@bufaloovelar85)

on

Futebol