PUBLICIDADE
Topo

Futebol

Grêmio 'escapa' graças a Grohe, empata aos 44 e segue vivo na Libertadores

Marcelo Oliveira disputa bola com Ezequiel Cerutti, do San Lorenzo, na Libertadores  - REUTERS/Marcos Brindicci
Marcelo Oliveira disputa bola com Ezequiel Cerutti, do San Lorenzo, na Libertadores Imagem: REUTERS/Marcos Brindicci

Do UOL, em Porto Alegre

15/03/2016 23h38

O Grêmio foi imortal, como é seu apelido. No primeiro tempo poderia ter virado o jogo perdendo por ao menos 3 a 0 para o San Lorenzo. Mas escapou graças a Marcelo Grohe. E depois de um segundo tempo muito ruim, Lincoln, de 17 anos, empatou aos 44 minutos e manteve o Tricolor vivo na classificação. Nesta terça-feira (15), o placar de 1 a 1 foi muito comemorado. 

Com cinco pontos, o Grêmio manteve o segundo lugar no grupo 6. O San Lorenzo ficou na lanterna com 3. Agora, dependendo dos dois últimos jogos a classificação pode ser definida em casa. 

Ortigoza foi o destaque do time da casa. Marcelo Grohe, ainda no último minuto de jogo, salvou o Grêmio e junto a Pedro Gromel conseguiu o resultado. 

 
SAN LORENZO 1 X 1 GRÊMIO
 
Data: 15/02/2016 (Terça-feira)
Local: Estádio Nuevo Gasometro, Buenos Aires (ARG)
Árbitro: Andres Cunha
Auxiliares: Miguel Nievas e Carlos Pastorino
Cartões amarelos:  Ortigoza (SLO); Marcelo Oliveira (GRE), Maicon (GRE); 
Gols: Ortigoza, do San Lorenzo, aos 3 minutos do primeiro tempo; Lincoln, do Grêmio, aos 44 minutos do segundo tempo;
 
SAN LORENZO
Torrico; Buffarini, Angeleri, Caruzzo e Más; Ortigoza, Mussis, Beluschi, Cerutti e Blanco (Romagnoli); Cauteruccio (Matos).
Técnico: Pablo Guede
 
GRÊMIO
Marcelo Grohe; Ramiro, Fred, Pedro Geromel e Marcelo Oliveira; Edinho, Maicon, Giuliano (Lincoln) e Douglas (Bobô); Luan (Pedro Rocha) e Everton. 
Técnico: Roger Machado 

Futebol