PUBLICIDADE
Topo

Zidane é suspenso por 3 meses por atuar como técnico do Real sem licença

Do UOL, em São Paulo

27/10/2014 14h04

Zinedine Zidane foi suspenso por três meses do futebol espanhol por atuar como técnico sem a licença necessária. Denunciado há semanas, desde que assumiu o time B do Real Madrid, o francês recebeu sua punição nesta segunda-feira e terá dez dias para entrar com um recurso.

A decisão foi anunciada pela Justiça esportiva da Espanha. Francisco Rubio, juiz único de competição, acatou a orientação de Alberto Perez Calderón, relator do caso, deu a pena média a Zidane, que poderia pegar de um a seis meses de gancho. Além do ex-jogador francês, o técnico formal do Real Madrid B, Santiago Sanchez, também foi suspenso por três meses.

Em nota oficial, o Real Madrid manifestou seu "absoluto desacerto com a citada resolução, uma vez que Zinedine Zidane está habilitado pela Federação Francesa de Futebol para exercer o cargo de treinador na categoria em que se encontra hoje o Real Madrid Castilla [como é chamado o time B]", disse o clube merengue, que apresentou o documento da Federação Francesa em sua defesa e prometeu seguir brigando para que Zidane mantenha sua atividade. 

Zidane, oficialmente, é o auxiliar de Sanchez no Real Madrid B, que disputa a terceira divisão espanhola. Só que essa hierarquia é apenas uma manobra do clube merengue para proteger o francês, que não possui a formação básica necessária para comandar um time desse porte – ele tem a licença Uefa A, que equivale ao nível 2, e precisa de mais horas de aula para atingir o nível 3, pré-requisito estabelecido pela Liga Espanhola.

O caso se desenrola desde meados de setembro, quando a Liga acionou o Real Madrid. A despeito da notoriedade do assunto, Zidane ignorou as ameaças e seguiu comandando o time B à beira do gramado normalmente.

Agora, ele e Sanchez terão de se afastar da função por três meses, a não ser que o Real apele e consiga uma decisão liminar. Além do próprio Comitê de Apelações da Liga, o clube pode tentar usar o TAS (Tribunal Arbitral do Esporte), última instância da justiça desportiva mundial. Até agora, porém, não há nenhuma manifestação nesse sentido.

Zidane vem se preparando para ser treinador há alguns anos. Na temporada passada, por exemplo, ele foi auxiliar-técnico de Carlo Ancelotti no time principal do Real. Neste ano, arriscou-se em uma iniciativa pessoal no Real Madrid B.