PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Gabigol evita falar em despedida, mas vê "chance pequena" de seguir em 2019

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, em São Paulo

24/11/2018 22h49

A vitória por 3 a 2 contra o Atlético-MG, que marcou a última partida do volante Renato como jogador, também pode ter sido o fim da segunda passagem de Gabigol pelo Santos. Após o apito final, atacante evitou falar em despedida, mas admitiu que as chances de permanecer no clube em 2019 são pequenas.

"Sou bem sincero e as chances são muito pequenas. Não sei se foi a minha despedida, mas creio que foi muito emocionante fazer um gol num estádio onde sou feliz, que é a minha casa. Agora é trabalhar essa semana. Não vou jogar [contra o Sport], mas estarei com meus companheiros. Se for a despedida, quero agradecer a toda torcida, a meus companheiros e dizer que estou muito feliz e orgulhoso de vestir a camisa do Santos", disse o jogador ao Premiere.

Gabriel está cedido por empréstimo ao Santos pela Inter de Milão até dezembro. O atacante marcou o terceiro gol na vitória deste sábado. Ele levou o terceiro cartão amarelo na comemoração e cumprirá suspensão automática contra o Sport, na última rodada do Brasileiro. O jogador é o artilheiro isolado do Campeonato Brasileiro, com 18 gols.

Além de comentar a sua situação no clube, Gabigol também falou sobre o volante Renato, que se despediu dos gramados neste sábado. Ele passará a atuar exclusivamente como executivo de futebol, função que ele já dividia ao longo da temporada.

"Ele [Renato] é um cara excepcional. Sempre que não jogava incentivava os outros jogadores. Ele entrou e vimos a qualidade que tem, dominou duas bolas muito difíceis. Poderia jogar, mas creio que ele está muito feliz. Dá para ver o carinho da torcida e do staff com ele. Agora ele vai usar o terno de verdade", acrescentou o atacante de 22 anos.

Com o resultado neste sábado, o Santos encerrou uma sequência de cinco jogos sem vencer no Brasileiro. A equipe chegou a 50 pontos na tabela e assegurou vaga na próxima edição da Copa Sul-Americana.

Esporte