PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Nos últimos seis jogos no BR, Palmeiras só não foi vazado com Luan e Gómez

Edu Dracena e Antônio Carlos comemoram; zagueiros têm jogado como titulares - Pedro Vilela/Getty Images
Edu Dracena e Antônio Carlos comemoram; zagueiros têm jogado como titulares Imagem: Pedro Vilela/Getty Images

Flávio Latif

Do UOL, em São Paulo (SP)

20/11/2018 12h00

O empate por 1 a 1 no último domingo (12) contra o Paraná, no Estádio do Café, em Londrina, pela 35ª rodada do Campeonato Brasileiro, foi mais uma prova de que o Palmeiras está sofrendo com problemas defensivos na reta final da competição. Nas últimas seis partidas que fez pelo torneio, a equipe alviverde sofreu gol em cinco. A única vez que saiu de campo sem ser vazada foi quando Gustavo Gómez e Luan foram titulares na zaga, na vitória por 3 a 0 sobre o Fluminense, na última quarta-feira (20), no Allianz Parque.

Nos outros cinco jogos, o técnico Luiz Felipe Scolari optou por Antônio Carlos e Edu Dracena. Contra Ceará, Flamengo, Santos, Atlético-MG e Paraná, os dois formaram a dupla de zaga titular, e o Palmeiras acabou vazado. Para muitos, o segundo foi o principal responsável pelo gol do Paraná, já que o lance começou em um drible sobre ele.

Luan e Gómez participaram do empate com o Flamengo, no Maracanã, mas atuaram na lateral-direita. O ex-Vasco foi escalado como titular da posição e pediu para sair aos 35 do segundo tempo, quando foi substituído pelo paraguaio.

Foi durante o Brasileirão que Luan e Gómez se consolidaram e criaram entrosamento. No momento mais decisivo da temporada alviverde, as semifinais da Libertadores, foram os escolhidos por Felipão na equipe titular. Apesar da eliminação, foram destaques do jogo de volta contra o Boca Juniors, quando marcaram os dois gols do time no empate por 2 a 2.

O sistema defensivo do Palmeiras já viveu bons momentos em 2018. Após o empate por 0 a 0 com o Internacional, no Beira-Rio, pela 21ª rodada do Brasileirão, o clube alcançou nove jogos sem sofrer gols e superou a marca de 1965, quando ficou oito jogos sem ser vazado. 

Para as rodadas finais do Brasileirão, Felipão terá de escolher entre bancar a zaga que foi titular em grande parte do ano ou colocar a que conseguiu resultados melhores recentemente.

O Palmeiras enfrenta o América-MG na próxima quarta-feira (21), no Allianz Parque, pela 36ª rodada do torneio. Para terminar o jogo como campeã, a equipe alviverde precisa vencer a partida e torcer para que Flamengo e Internacional não vençam Grêmio e Atlético-MG, respectivamente.

Esporte