PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Marcelo defende jogadores do Flu após gritos de 'sem vergonha'

Siga o UOL Esporte no

Do UOL, no Rio de Janeiro

19/11/2018 22h27

Após o empate sem gols diante do Ceará, o técnico Marcelo Oliveira  falou sobre a performance do Fluminense na partida disputada no MaracanãCampeonato Brasileiro incomoda a equipe tricolor.

O treinador não escondeu que seu time fez um jogo ruim em casa, mas se mostrou contrariado com gritos vindos da arquibancada. Ao fim da partida, muitos tricolores chamaram o time de "sem vergonha". 

"Os jogadores do Fluminense são muito dignos, muito honrados, vão até o limite para ganhar os jogos, mas esbarramos um pouco na parte técnica", disse ele.

Ao "Sportv", o atacante Luciano não escondeu a sua insatisfação com os gritos da arquibancada. Ele pediu mais apoio da torcida.

"Ouvir tudo isso não é fácil, eu nunca tinha passado por isso. A gente tem família, eu sou pai. É uma situação muito difícil", disse ele.

O comandante do Flu preferiu não relacionar o mau desempenho aos atrasos salariais no clube:

"Não quero entrar nesse mérito. O ideal é que fosse completamente diferente. Por mais que os jogadores estejam concentrados e treinando muito, isso acaba refletindo um pouco".

Com o resultado, os cariocas pularam para 42 pontos (a cinco do América-MG, clube que abre o Z-4) e caíram para a 13ª colocação. O Flu volta a campo na quinta-feira, quando enfrenta o Bahia, às 21h, na Fonte Nova.  

Esporte