PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Contra rival do título em 2016, Palmeiras busca inspiração para arrancada

Palmeiras comemora o título do Brasileiro de 2016 após vitória sobre a Chapecoense - Marcello Zambrana/AGIF
Palmeiras comemora o título do Brasileiro de 2016 após vitória sobre a Chapecoense Imagem: Marcello Zambrana/AGIF

Danilo Lavieri e Daniel Fasolin

Do UOL, em São Paulo e em Chapecó (SC)

20/08/2017 04h00

O Palmeiras tenta buscar as lembranças positivas que tem ao enfrentar a Chapecoense no Allianz Parque para começar uma nova vida no Campeonato Brasileiro, às 19h deste domingo, pela 21ª rodada do Nacional.

Buscando inspiração no jogo do título de 2016, justamente contra os catarinenses, Cuca e companhia buscam uma arrancada em busca do objetivo que restou para a temporada: o título do segundo turno de 2017 e ficar sempre entre os quatro primeiros colocados, torcendo para que o Corinthians despenque na classificação.

Para a "nova vida", Cuca deposita as esperanças em um meio-campo técnico. Com Moisés e Guerra em condições, o técnico pode escalar a equipe mais criativa do ano, com Thiago Santos protegendo a sua zaga.

O técnico não confirma a escalação com antecedência, com exceção de suas laterais, que serão ocupadas por Michel Bastos e Jean.

"Esses últimos 11 a gente está assim (com quase o mesmo número de pontos do Corinthians) e ainda assim perdemos para o Atlético-PR e empatamos com o Vasco. Não acho que as coisas estão horrorosas. No ano passado, se a gente tivesse no quarto lugar, ninguém ia reclamar. Mas é que esse ano pelo planejamento e o que foi prometido está todo mundo triste. Vamos tentar ser o melhor e ver o que de melhor a gente alcança", afirmou o comandante.

Embora não veja as coisas "tão ruins assim", Cuca já preparou o elenco para protestos no Allianz Parque. O estádio, aliás, deve ter um dos piores públicos do ano, com risco de não ultrapassar a casa dos 20 mil torcedores pela primeira vez na temporada em jogos oficiais.

Do outro lado, a Chapecoense volta de excursão pela Europa e pela Ásia pressionada. Uma derrota, por exemplo, manterá a equipe na zona de rebaixamento e ainda pode selar a saída do técnico Vinícius Eutrópio. Desgastada, a equipe passará por avaliações para descobrir quem tem condições de ir para campo.

De volta ao Allianz Parque pela primeira vez após o trágico acidente na temporada passada, a Chapecoense prepara homenagens às vítimas de terrorismo na Espanha, onde esteve para enfrentar o Barcelona recentemente.

FICHA TÉCNICA
PALMEIRAS X CHAPECOENSE

Data: 20 de agosto (domingo)
Horário: 19h (de Brasília)
Local: Allianz Parque, em São Paulo
Árbitro: Dyorgines Jose Padovani de Andrade (ES)
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires (ES) e Vanderson Antonio Zanotti (ES)

PALMEIRAS: Fernando Prass; Jean, Edu Dracena, Luan e Michel Bastos; Thiago Santos, Moisés e Guerra; Guedes, Keno e Deyverson (Willian)
Técnico: Cuca

CHAPECOENSE: Jandrei; Apodi, Fabrício Bruno, Grolli e Reinaldo; Moises, Lucas Mineiro (Lucas Marques) e Luiz Antônio (Seijas); Artur, Túlio de Melo e Penilla
Técnico: Vinícius Eutrópio

Esporte