PUBLICIDADE
Topo

Esporte

Ronaldinho é poupado em treino do Atlético-MG, mas não preocupa para duelo com Santos

Ronaldinho, que levou uma pancada na coxa direita, fez apenas tratamento nesta terça-feira - Bruno Cantini/site oficial do Atlético-MG
Ronaldinho, que levou uma pancada na coxa direita, fez apenas tratamento nesta terça-feira Imagem: Bruno Cantini/site oficial do Atlético-MG

Bernardo Lacerda

Do UOL, em Vespasiano (MG)

24/07/2012 17h24

Ronaldinho Gaúcho foi a ausência no treino tático comandado pelo técnico Cuca na tarde desta terça-feira, na Cidade do Galo. Poupado por causa de uma pancada na coxa direita, o meia-atacante fez tratamento, mas deve enfrentar o Santos, quinta-feira, às 21h, no Independência, pela 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

De acordo com o departamento médico do Atlético-MG, Ronaldinho já havia realizado tratamento no período da manhã, porém a pancada sofrida na goleada sobre o Sport, por 4 a 1, no último sábado, no Recife, não será problema para Cuca escalar o time que encara o Santos.

Durante a atividade desta terça, Guilherme treinou na vaga de Ronaldinho. Na ausência do meia-atacante, o jovem Bernard assumiu as cobranças na bola parada. Outra mudança foi a entrada de Serginho no lugar de Leandro Donizete, que cumprirá suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

O restante da equipe foi o mesmo que enfrentou o Sport. Dessa forma, o Atlético treino com a seguinte formação: Victor; Marcos Rocha, Réver, Leonardo Silva e Júnior César; Pierre, Serginho, Danilinho e Guilherme; Bernard e Jô.

Contratado no início de junho, Ronaldinho disputou oito jogos pelo Atlético e marcou três gols, dois em cobranças de pênaltis e um de bola rolando, na goleada sobre o Sport. Nesse período, o time mineiro venceu sete jogos e perdeu um, para o São Paulo, por 1 a 0.

Ronaldinho estreou com a camisa do Atlético em 9 de junho, na vitória sobre o Palmeiras, por 1 a 0. O meia-atacante atuou em seguida na derrota para o São Paulo e nos triunfos sobre Náutico (5 a 1), Grêmio (1 a 0), Portuguesa (2 a 0), Figueirense (4 a 3), Internacional (3 a 1) e Sport.

Esporte