PUBLICIDADE
Topo

Rodrigo Coutinho

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Flamengo sobe no Ranking de Desempenho e confirma que vai brigar

Conteúdo exclusivo para assinantes
Rodrigo Coutinho

Rodrigo Coutinho é jornalista e analista de desempenho. Acredita que é possível abordar o futebol de forma aprofundada e com linguagem acessível a todos.

Colunista do UOL

02/08/2021 19h07

Desde que Renato Gaúcho assumiu o comando técnico do Flamengo a equipe não para de subir de produção. O time teve mais uma grande atuação neste final de semana e deu continuidade ao salto que já vinha cumprindo no Ranking de Desempenho. Mesmo com dois jogos a menos, está duas estrelas na frente do Atlético/MG, vice-líder da competição, e duas estrelas atrás do palmeiras, que lidera o Brasileirão. Dá toda pinta que vai chegar muito forte na briga pelo tricampeonato nacional.

01 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
O Ranking de Desempenho após a 14ª Rodada. Os asteríscos representam o número de jogos a menos de cada time
Imagem: Rodrigo Coutinho

O Ranking de Desempenho tem como finalidade avaliar o rendimento das equipes. Oferecer ao torcedor uma maneira mais fidedigna de entender se o seu time está evoluindo, estagnado ou regredindo. Independentemente do resultado —que pode ocorrer por muitas variantes no futebol— a proposta é dar de 0 a 5 estrelas de acordo com o que cada equipe fez em campo. As estrelas são somadas a cada rodada e formam o cenário acima.

02 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Tudo sobre o empate entre São Paulo e Palmeiras
Imagem: Rodrigo Coutinho

Jogo recheado de lances polêmicos. Dois gols e um pênalti anulados a favor do São Paulo. Todas as decisões corretas a meu ver, o que não tira os méritos do Tricolor, que foi superior ao Palmeiras durante o jogo inteiro basicamente. O time da casa teve mais agressividade com a bola e marcou forte. O Verdão, exceto por alguns momentos, não igualou a intensidade adversária e foi refém de ligações diretas para Deyverson na hora de atacar. Muito pouco para o líder da competição.

03 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Os detalhes do empate entre o Colorado e o Dourado
Imagem: Rodrigo Coutinho

Atuação péssima do Internacional no Beira-Rio. Foi pobre na movimentação ofensiva e consequentemente não conseguiu se impor diante de um adversário inferior tecnicamente, mas mais organizado em todas as fases do jogo. O Cuiabá marcou de forma prioritária para depois encaixar contra-ataques, mas quando entrou em fase ofensiva teve coragem e mobilidade para gerar as linhas de passe e criar. Produziu chances mais reais que o Colorado, que também marcou mal.

04 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
A vitória do Red Bull sobre o Grêmio
Imagem: Rodrigo Coutinho

Jogo fraco na fria noite de sábado em Bragança Paulista. O time da casa esteve irreconhecível em sua produção ofensiva. Não teve o volume que costuma apresentar e foi até confuso na circulação da bola. O Grêmio tem sua parcela de méritos. Marcou forte, foi até mais perigoso como um todo no jogo, merecia ao menos um empate, mas novamente teve um repertório pobre em fase ofensiva. Apesar da vitória, o Massa Bruta vem caindo de produção. Precisa melhorar.

05 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
O passeio do Flamengo sobre o Corinthians
Imagem: Rodrigo Coutinho

Constrangedora e humilhante a diferença em todos os aspectos entre Corinthians e Flamengo, em Itaquera. O rubro-negro tomou conta de todas as ações desde o primeiro minuto. Marcou forte no campo de ataque, circulou a bola com desenvoltura e qualidade, e impediu qualquer tentativa de contra-ataque alvinegro. Uma atuação perfeita! Confirmando aquilo que vem sendo recuperado desde que Renato Portaluppi assumiu o comando da equipe. O Corinthians parecia um time juvenil diante do Flamengo. Não teve atitude competitiva.

06 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Como o Galo bateu o Furacão em Belo Horizonte
Imagem: Rodrigo Coutinho

Desta vez não teve Hulk, que foi desfalque, mas teve Nacho Fernandez e Eduardo Vargas resolvendo a situação para o Atlético Mineiro. A notícia boa, mais uma vez, é qualidade e o poder de decisão do elenco alvinegro. A má nota recorrente é a dificuldade de produção coletiva na parte ofensiva. O Furacão foi um time pouco agressivo, principalmente no 1º tempo, mas tem em razão em reclamar do pênalti duvidoso que abriu caminho para a vitória mineira. Os anfitriões fizeram mais um bom jogo defensivamente.

07 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Tudo sobre a vitória do Sport sobre o Bahia
Imagem: Rodrigo Coutinho

Resultado injusto em Pituaçu! O Bahia foi superior ao Sport, sobretudo na 2ª etapa, mas não conseguiu balançar as redes nas chances que criou. O Leão até apresentou melhora em fase ofensiva e teve momentos de produtividade no 1º tempo, mas não conseguia manter a postura e via o Tricolor tomar as rédeas do jogo novamente. No final, já com o Bahia desfigurado em virtude das alterações, e mais forte defensivamente com uma linha de cinco atrás, o Sport marcou com Mikael em um contra-ataque.

08 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Tudo sobre a vitória do Santos sobre a Chape
Imagem: Rodrigo Coutinho

Outra partida com resultado injusto aconteceu no oeste de Santa Catarina. A Chapecoense recebeu o Santos, foi dominada no 1º tempo, levou o gol, mas depois do intervalo teve um controle ainda mais amplo em relação ao do Peixe na etapa inicial, e criou várias oportunidades. Não fosse o goleiro João Paulo, o time da casa teria saído de campo ao menos com um empate. Os anfitriões ganharam muita agressividade com as entradas de Perotti, Geuvânio e Ravanelli. Os paulistas fizeram um jogo bem irregular.

09 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Como o Vozão bateu o Leão de virada
Imagem: Rodrigo Coutinho

Classíco de reviravoltas no péssimo gramado do Castelão. Guto Ferreira tentou uma escalação diferente da usual, inclusive com outro esquema tático, e as coisas não deram certo. O Fortaleza dominou inteiramente até os 30 minutos a abriu o placar. Poderia até ter feito mais, mas o Vozão foi se acertando e Guto consertou tudo na 2ª etapa. O jogo ficou equilibrado, o Leão criava mais, mas o Vozão foi mais efetivo. Novamente forte no contra-ataque e na ''bola parada aérea''.

10 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
Os detalhes do empate entre Dragão e Coelho
Imagem: Rodrigo Coutinho

Equilíbrio e muita ''pegada'' na marcação. Essa foi a tônica do intenso duelo entre Atlético Goianiense e América Mineiro. O empate foi justo. O Dragão acabou tendo chances mais claras na 2ª etapa, mas o Coelho foi mais contundente nos primeiros 45 minutos e quase venceu no fim. O time mineiro mostrou evolução após mais uma semana de trabalho de Vagner Mancini. Não ficou esperando os anfitriões na defesa. Também tomou a iniciativa de atacar e marcou no campo rival.

Seleção do Campeonato

Cada jogador que entra em campo recebe uma nota de 0 a 10 por sua atuação. A nota de partida é sempre 5 e ele vai ganhando ou perdendo pontos de acordo com o que faz em campo. A média das notas define o melhor de cada posição/função. Para fazer parte do time ao final do Brasileirão, é necessário ter participado de ao menos 40% dos jogos.

12 - Rodrigo Coutinho - Rodrigo Coutinho
A Seleção do Brasileirão após a 14ª Rodada
Imagem: Rodrigo Coutinho

Quatro mudanças na equipe em relação a última rodada. Bruno Henrique fica com a vaga que era de Artur. Volta à Seleção depois de algumas rodadas e forma a dupla de ataque com Hulk. Arrascaeta chegou ao sexto jogo na competição, bateu a ''cota mínima'' de 40% de participação em todas as partidas até o momento e desbancou Gustavo Scarpa. O mesmo se aplica a Gustavo Gómez na zaga, ficando com a vaga que era de Thiago Heleno. Outro retorno acontece na meta. Fernando Miguel não jogou na rodada, mas se aproveitou da atuação mediana de Gabriel Chapecó contra o Red Bull Bragantino e recuperou espaço.

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL