PUBLICIDADE
Topo

Gabriel Vaquer

REPORTAGEM

Texto que relata acontecimentos, baseado em fatos e dados observados ou verificados diretamente pelo jornalista ou obtidos pelo acesso a fontes jornalísticas reconhecidas e confiáveis.

Com treino da F1, Band vê audiência subir, mas não incomoda SBT e Record

Max Verstappen, da Red Bull, em ação durante treino classificatório de Imola em 17 de abril de 2021 - Lars Baron/Getty Images
Max Verstappen, da Red Bull, em ação durante treino classificatório de Imola em 17 de abril de 2021 Imagem: Lars Baron/Getty Images
Gabriel Vaquer

Gabriel Vaquer cobre mídia esportiva desde 2014. No UOL Esporte, conta detalhes do evento onde seu time joga e onde seu profissional de TV esportiva favorito vai trabalhar.

17/04/2021 11h13

A exibição do treino classificatório de Imola na manhã deste sábado (17) mostrou que a Band acertou em apostar na Formula 1 em 2021. Das 8h50 às 10h15, horário com carros na pista, a emissora marcou dois pontos no Ibope na Grande São Paulo. Na semana passada, no mesmo horário, alcançou 0.5 ponto com a exibição de desenhos e do Campeonato Russo.

Neste sábado, no horário do treino da F1, a Globo, que exibia o "É de Casa" alcançou seis pontos, enquanto o Fala Brasil, da Record, chegou a cinco pontos. O SBT, que transmitiu desenhos no "Sábado Animado", alcançou três pontos.

A Band exibiu o treino para São Paulo, Rio de Janeiro, Porto Alegre. Mas nessas duas últimas cidades, o fim da última parte do treino foi cortado por causa do horário da programação local, a partir das 10h. Ou seja, apenas os expectadores de São Paulo tiveram a oportunidade de ver o treino todo na TV aberta.

Nesta manhã, a Band alcançou o mesmo índice de audiência que teve no treino de Barhein, que marcou a estreia da temporada, mas foi exibido em um um horário mais tardio.