PUBLICIDADE
Topo

Plural é um projeto colaborativo do UOL com coletivos independentes, de periferias e favelas para a produção de conteúdo original


Como a eleição do Congresso Nacional impacta a vida das mulheres?

De Ecoa, em São Paulo

28/02/2021 04h00

Arthur Lira (PP-AL) e Rodrigo Pacheco (DEM-MG) foram eleitos no início de fevereiro para a presidência da Câmara e do Senado. Alinhados ao presidente Jair Bolsonaro, os líderes podem ter um papel decisivo em desemperrar pautas caras a ele e a sua base de apoiadores, colocando-as para votação.

As decisões tomadas nas duas casas impactam fortemente a população, como enfatiza Elisa de Araújo, da ONG Conectas Direitos Humanos, uma das convidadas do episódio, que ouviu também Joluzia Batista, da ONG Cfemea.

Batista enumerou os projetos que ameaçam direitos e podem entrar em votação por iniciativa dos novos líderes. "A lista dos 10 PLs é algo impensável pra uma sociedade que se imaginava ampliando as fronteiras da democracia, enfrentando desigualdades, enfrentando o genocídio da juventude negra e a morte sistemática das mulheres por feminicídio", disse (a partor de 7:30 do arquivo acima).

Para as entrevistadas, as mulheres negras devem sentir mais intensamente os efeitos dessas decisões. O projeto que trata da ampliação do porte de armas, por exemplo, pode ter impacto sobre o número de feminicídios (dos quais mulheres negras são as principais vítimas no país), já que armas de fogo são usadas em boa parte desses crimes.

"Os presidentes das casas basicamente elegeram como prioridade nos seus discursos recuperação econômica, questões de saúde e assistência social. A base da sociedade brasileira é a mulher negra, é a categoria social que está nos trabalhos mais vulnerabilizados, que é a maior parte das mulheres chefes de família. A recuperação econômica, as políticas sociais e as questões sanitárias estão diretamente relacionadas à nossa vida de mulher negra no Brasil", disse Elisa de Araújo (a partir de 10:11 do arquivo acima).

O Conversa de Portão é um podcast produzido pelo Nós, Mulheres da Periferia em parceria com UOL Plural. Novos episódios são publicados toda terça-feira. Este episódio teve produção de Carol Moreno, direção musical de Sabrina Teixeira Novaes, trilha sonora e edição de som por Sabrina e Camila Borges.

Os podcasts do UOL estão disponíveis em uol.com.br/podcasts e em todas as plataformas de distribuição. Você pode ouvir Conversa de Portão, por exemplo, no Youtube, no Spotify, no Google Podcasts e no Deezer.