PUBLICIDADE
Topo

Mariana Belmont

OPINIÃO

Texto em que o autor apresenta e defende suas ideias e opiniões, a partir da interpretação de fatos e dados.

Cadê os Yanomami?

Devastação próxima a comunidades na Terra Indígena Yanomami - Bruno Kelly/HAY
Devastação próxima a comunidades na Terra Indígena Yanomami Imagem: Bruno Kelly/HAY

05/05/2022 06h00

Um chamado, um grito de desespero.

Vou ser repetitiva hoje, porque é fundamental ser. Repetitiva, porque semana passada escrevi sobre o relatório da Hutukara Associação Yanomami revelando o panorama ilegal do avanço da destruição garimpeira na terra indígena do país. Mas repetitiva porque a pergunta precisa ecoar nas redações, os jornalistas precisam se incomodar, o governo precisa se sentir responsável.

Uma comunidade desapareceu após sofrer ataques de garimpeiros. As casas do local foram queimadas. E não há respostas sobre o que de fato ocorreu ali.

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

E o Brasil permanece calado.

Calado pelo desaparecimento de uma comunidade Yanomami. Calado pelas mortes diárias de jovens negros nas periferias das cidades. Calado pelas mortes das mulheres.

Aeronaves e helicópteros na pista do Jeremias, Homoxi, Terra Indígena Yanomami - Bruno Kelly / HAY - Bruno Kelly / HAY
Aeronaves e helicópteros na pista do Jeremias, Homoxi, Terra Indígena Yanomami
Imagem: Bruno Kelly / HAY

Uma menina de 12 anos foi raptada, sofreu violência sexual e não resistiu aos ferimentos. Sua irmã, de 3 anos, foi jogada no rio e nunca foi encontrada. O caso deveria estampar as capas de todos os jornais, mas não ganha destaque porque são crianças indígenas.

E o governo federal é cúmplice dessa violência. Não podemos aceitar que crimes como esse sigam acontecendo!

"A nossa dor é como se não tivesse importância nesse país, mais de 500 anos sofrendo depois da invasão da nossa terra e que nunca parou. Uma comunidade inteira sumiu (ou teve que sumir), após denunciarem que garimpeiros estupraram até a morte uma criança de 12 anos e jogaram outra criança de 3 anos no rio", publicou a Apib - Articulação dos povos indígenas do Brasil.

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?

CADÊ OS YANOMAMI?