PUBLICIDADE
Topo

Nova Fiat Strada é flagrada sem disfarces em gravação de comercial

Nova geração da picape terá frente com cara de Argo - Reprodução
Nova geração da picape terá frente com cara de Argo
Imagem: Reprodução

Do UOL, em São Paulo (SP)

11/02/2020 12h00

Resumo da notícia

  • Picape será lançada ainda no primeiro semestre deste ano
  • Nova geração terá cabine dupla "de verdade" com quatro portas
  • Design combina elementos de Argo e Toro

A Fiat bem que tentou manter o mistério revelando apenas um teaser com a silhueta da nova Strada. Mas o segredo não durou muito tempo. A nova geração da picape foi flagrada por um leitor de UOL Carros durante a gravação do comercial de lançamento.

Embora esteja alinhada com a linguagem visual dos demais modelos da marca, a dianteira da Strada tem identidade própria. Se os faróis alongados remetem a Argo e Cronos, a grade frontal é mais pronunciada, com direito a um avantajado logotipo da marca, o que deu um ar agressivo ao carro.

O perfil confirma a impressão já adiantada pela prévia da Fiat: de lado, a nova Strada parece um filhote da Toro, especialmente pela linha de cintura e formato dos vidros laterais. O flagra não incluiu a traseira da picape, mas, a julgar pelo teaser, as semelhanças com a irmã maior devem continuar - as lanternas parecem ser idênticas, por exemplo. Já a tampa traseira provavelmente não será bipartida como a da Toro: terá abertura convencional.

A plataforma da nova Strada será um "Frankenstein": a parte frontal será uma mistura de Argo e Mobi e a traseira vem da atual Fiorino. Isso facilitará o transporte de cargas e garantirá mais espaço no banco traseiro, inclusive nas versões com cabine simples.

A picape deve ser apresentada à imprensa em março e chegar às concessionárias nos dois meses seguintes. A gama de versões da nova Strada também seguirá o padrão da Toro, com opções Endurance, Freedom e Volcano e o motor 1.3 Firefly de até 109 cv nas configurações de topo.

Apesar do visual pra lá de cansado, a Strada antiga continuará à venda como opção de entrada no segmento, usando o atual motor 1.4 Evo de 85 cv. Essa prática já foi usada pela própria Fiat, com Palio e Siena Fire, que conviveram com as gerações mais novas dos dois modelos.