PUBLICIDADE
Topo

Benê Gomes

ANÁLISE

Texto baseado no relato de acontecimentos, mas contextualizado a partir do conhecimento do jornalista sobre o tema; pode incluir interpretações do jornalista sobre os fatos.

Volvo XC60: como é a última versão do modelo com motor a combustão

Conteúdo exclusivo para assinantes
Benê Gomes

Jornalista e produtor de TV, desde 2001 atua como profissional especializado no segmento automotivo. Assina o boletim diário Sexta Marcha, da Rádio Transcontinental FM de SP, dirige e apresenta o_ _Programa Momento Vox – BAND SP. É diretor da Onze Produções, produtora de vídeo e conteúdo digital, e é o idealizador do Programa Auto+, onde atuou por 15 anos

Colunista do UOL

28/11/2021 04h00Atualizada em 28/11/2021 11h27

Quando falamos de Volvo, vem logo à cabeça a maior bandeira da marca, que é o compromisso de, até 2030 - menos de 10 anos -, não vender mais modelos a combustão.

O primeiro passo foi dado com a eletrificação total da sua linha, inclusive no Brasil, onde já vende até o seu primeiro 100% elétrico, o XC40 Pure Eletric. Pois é nesse embalo que o XC60 2022 chega por aqui com algumas mudanças visuais e boas atualizações no conteúdo tecnológico.

Ele segue com a dianteira marcante e os faróis no formato Martelo de Thor, mas agora os para-choques trazem novas linhas retas, com um ar um pouco mais agressivo. Mudou ainda a grade frontal - que tem alterações de acabamento conforme a versão - e também há novas opções de rodas.

O acabamento interno segue com o mesmo alto padrão e alinhado com a proposta sustentável da marca, com destaque para novos revestimentos produzidos com lã e poliester, ou seja, o couro vai definitivamente ficando de fora.

No quesito conteúdo tecnológico, duas boas novidades. A primeira é a entrada do painel de instrumentos digital configurável com tela de 12,3 polegadas, o mesmo que estreou recentemente no XC40 elétrico. Depois tem a atualização do sistema multimídia e o reforço considerável oferecido pelos recursos Google, fruto de uma parceria entre as empresas.

Assim como no XC40 elétrico, agora é possível utilizar os aplicativos conhecidos da plataforma, como o Maps, e tirar muito proveito do Google assistente; dá para e escolher a música que gostaria de ouvir durante o trajeto ou procurar restaurantes próximos, tudo por comando de voz, exatamente como fazemos no smartphone.

O XC60 recebeu ainda a atualização do pacote ADAS e seus recursos inteligentes de apoio à condução, como controle de velocidade adaptativo com frenagem de emergência, detecção de pedestres e visão noturna, alerta de mudança de faixa com correção automática da trajetória, entre outros.

Dentro dessa atualização, passa a contar com dois novos recursos. O "ready to drive" - pronto para andar, em tradução livre - que em situações de anda e para no trânsito, emite um alerta caso o veículo à frente comece a andar e o motorista não perceba.

O outro é o "Emergency Stop Assit", que entra em ação quando percebe que o motorista deixou de comandar o veículo, reduzindo a velocidade até parar totalmente o carro se for necessário.

Último XC60 com um motor a combustão

Com seu portfólio totalmente formado por modelos híbridos no Brasil desde maio passado, o XC60 2022, naturalmente, só conta com versões híbridas plug-in. Todas são equipadas com um motor a combustão 2.0 a gasolina e outro elétrico.

O conjunto garante 407 cavalos de potência e 65,3 Kgfm de torque, força típica de modelo esportivo, fazendo de 0 a 100 Km/h em apenas 5,3 segundos. A transmissão é automática de oito velocidades e conta com três modos de condução: Pure, Hybrid e Power.

Como ainda se trata de um modelo híbrido, o XC60 não traz o "One Pedal Drive", recurso de regeneração de energia que praticamente dispensa o uso do pedal de freio e que está no XC40 elétrico. Detalhe que certamente vai mudar quando a Volvo lançar sua nova geração e 100 % elétrica, uma condição que vai dar ao atual XC60 híbrido plug-in o carimbo de última versão do modelo a contar com um motor a combustão.

Os preços do Volvo XC60 partem de R$ 400 mil, mas chegam perto dos R$ 470 mil na versão topo de linha, a Polestar. Valores lá em cima, mas alinhados com o segmento e com tudo o que esse SUV médio de luxo oferece. Não por acaso, o XC60 registra mais de 30 mil unidades emplacadas aqui nos últimos 10 anos e segue liderando as vendas do segmento no Brasil, com 36% de participação de mercado até outubro passado. Números de respeito.

Preços Volvo XC60

Recharge Inscription Expression: R$ 399.950

Recharge Inscription: R$ 429.950

Recharge R-Design: R$ 439.950

Recharge Polestar Engineered: R$ 466.950

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL