PUBLICIDADE
Topo

Eduardo Paes afirma que o Rio de Janeiro terá Réveillon e Carnaval

Prefeito do Rio, Eduardo Paes, disse que a capital terá Carnaval e Réveillon - Reprodução/Youtube
Prefeito do Rio, Eduardo Paes, disse que a capital terá Carnaval e Réveillon Imagem: Reprodução/Youtube

Colaboração para o UOL

22/07/2021 14h19

O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (PSD), afirmou hoje que a capital fluminense terá as festividades de Revéillon no final deste ano, e também o Carnaval em 2022.

Em entrevista ao "Bom Dia Rio", Paes disse que a projeção para o fim da aplicação da segunda dose da vacina contra a covid-19 no município é em outubro. É por isso que, embasado no calendário de vacinação da capital, ele acredita que será possível realizar os eventos que costumam reunir dezenas de milhares de pessoas em um mesmo espaço.

"Acho que tranquilamente a gente terá réveillon e carnaval, isso não tem mais a menor sem dúvida. Tenho repetido isso porque se você termina ali em 15 de agosto [de aplicar] a primeira dose, você está terminando em outubro a segunda dose", declarou o prefeito.

Eduardo Paes insistiu que é preciso planejar a retomada da população à "normalidade" antes da pandemia, e pontuou que Nova York, nos Estados Unidos, retomou parte de sua rotina após alcançar o índice de 70% da população imunizada com a primeira dose da vacina.

"O que a gente tem que imaginar a partir daqui é o parâmetro que a gente vai adotar no Brasil. Nos Estados Unidos, em Nova York, com 70% de primeira dose abriu a cidade, no estágio que nós estamos hoje. A Europa fez com outro percentual. A gente vai olhar isso com calma, estamos analisando isso. Da mesma forma que no início do governo quando começou o calendário de vacinação eu falei 'vamos olhar para o futuro'", completou.

Questionado sobre a variante delta do coronavírus, que tem maior poder de transmissão em relação às demais cepas do vírus, Eduardo Paes salientou que "todas essas variantes assustam", mas reforçou o pedido para que a população respeite as medidas adotadas para conter a doença, como o distanciamento social e o uso de máscara de proteção.

Adultos tomarão 1º dose até 18 de agosto no Rio

Na semana passada, Eduardo Paes anunciou que a população do Rio de Janeiro com idade acima de 18 anos tomará a primeira dose do imunizante contra a covid-19 até o dia 18 de agosto. Em uma live ao lado do secretário municipal de Saúde, Daniel Soranz, o prefeito disse que, caso chegam mais doses das vacinas, ele irá antecipar ainda mais o calendário de vacinação.

No entanto, de acordo o secretário, o calendário "ousado" conta com entregas que ainda vão ocorrer ao município. "Estamos utilizando toda a previsão de doses [a receber] do Instituto Butantan, Fiocruz, Pfizer e Covax Facility", destacou Soranz.

Já aqueles com idade entre 12 e 18 anos começarão a ser vacinados na capital fluminense a partir de 23 agosto.

Ainda de acordo com o prefeito, todos os cariocas estarão completamente imunizados com as duas doses contra a covid-19 até novembro.