PUBLICIDADE

Topo

Nicole Byer, de "Mandou Bem", ensina pais a explicarem racismo às crianças

A apresentadora conta que um comentário no Instagram a fez decidir criar o guia - Reprodução/Instagram
A apresentadora conta que um comentário no Instagram a fez decidir criar o guia Imagem: Reprodução/Instagram

De Universa, em São Paulo

03/06/2020 19h13

Diante dos protestos do movimento "Black Lives Matter" (Vidas Negras Importam), que já acontecem em todo o território dos Estados Unidos, muitos pais se perguntam como explicar o racismo aos seus filhos.

Nicole Byer, comediante e apresentadora do reality culinário "Mandou Bem", decidiu fazer um guia em seu perfil no Instagram. E alertou: "Eu me esforcei, agora é a sua vez".

Hi hello I'm Nicole. I host a tv show called @nailedit a lot of kids watch the show. In an Instagram comment someone said they would "keep their head down and just let their kids watch nailed it." (I turned off the comments so ya can't find it and attack that person also dunno their ethnicity or anything about them) That made me boo hoo hoo. That you will allow your kid to watch me but not stand up for me. So I'll do the work I'll write you a conversation to have with your white child A good way to explain to kids #blacklivesmatter : "you like this black lady right? She's silly? She makes you tee hee hee?You would be sad if a police officer hurt her right? Well this is the current country we live in where someone you like can be hurt by the color of their skin and people in charge aren't doing a fucking (you can replace that with dang if ya kids are soft) thing about it. So they are protesting, and the looters... well some of it is staged as a distraction some are opportunistic and some are people who've been oppressed for so long it bursts. And nice cops? There are no nice cops because if a cop was nice they wouldn't watch and participate in violence against black and brown people. If cops were really nice they would have spoken out about police brutality years ago and maybe walked out on their precincts to send a message that they are against this. Instead they dress up like your GI Joe doll and are very mean. The curfews the helicopters the police in riot gear is all because black people have asked to not be killed... that's it. There's literally nothing else to it. Now once a week let's read about shit (stuff for the soft kids) that happens to black people that doesn't get covered in schools like Juneteenth, black Wall Street, how black people have influenced most of pop culture today and aren't credited or it's just co-oped... and if you do this post about. Post about the black history you teach your white kid to maybe inspire another white parent to do the same thing. There I did it you can read it verbatim to your kids. Also I'm open to any additions. Raise kids who give a fuck and you gotta give a fuck #blacklivesmatter

Uma publicação compartilhada por Nicole Byer (@nicolebyer) em

Ela começa explicando o que a levou a escrever a postagem: "Oi, eu sou a Nicole. Eu apresento um programa chamado 'Mandou Bem', ao qual várias crianças assistem. Em um comentário no Instagram, alguém disse que 'abaixaria a cabeça e colocaria suas crianças para assistir a Mandou Bem'. (Eu desabilitei os comentários para que vocês não o encontrem e ataquem, e também nem sei sua etnia ou qualquer outra coisa sobre a pessoa)."

"Isso me deixou triste. Pensar que você deixaria sua criança me assistir, mas não me apoiar. Então vou me esforçar aqui e escrever uma conversa para que você a tenha com sua criança branca", continuou a apresentadora.

"Um bom jeito de explicar o #BlackLivesMatter para crianças: 'Você gosta dessa mulher negra, né? Ela é bobinha? Ela te faz rir? Você ficaria triste se um policial a machucasse, certo? Bem, esse é o país em que vivemos atualmente, em que alguém que você gosta pode ser machucado só por causa da cor da sua pele, e as pessoas no poder não estão fazendo p* nenhuma (você pode substituir isso por porcaria se as suas crianças forem sensíveis)."

"Então eles estão protestando, e os saqueadores... Bom, parte disso é armado como uma distração, algumas pessoas são oportunistas e outras são pessoas que foram oprimidas por tanto tempo que estouram. E os policiais bonzinhos? Não existem policiais bonzinhos, porque se um policial fosse bonzinho ele não assistiria e participaria da violência contra pessoas negras."

A apresentadora prosseguiu: "Se os policiais fossem bonzinhos, eles teriam falado sobre brutalidade policial anos atrás, e talvez feito greves para enviar a mensagem de que são contra. No lugar disso, eles se vestem como o seu boneco G.I. Joe e são bem malvados. Os toques de recolher, os helicópteros, a polícia armada, é tudo porque as pessoas negras pediram para não serem mortas... Só isso. Literalmente não existe outro motivo."

"Agora, uma vez por semana, vamos ler sobre as m* (coisas, para as crianças sensíveis) que acontecem com as pessoas negras e que não são ensinadas nas escolas, como Juneteenth, Wall Street negra, como as pessoas negras influenciaram a maior parte da cultura pop de hoje em dia e não recebem os créditos."

"Se você fizer isso, poste sobre. Poste sobre a história negra que você ensinar ao seu filho branco, para talvez inspirar outro pai branco a fazer o mesmo", diz Nicole. E ela finaliza: "Crie filhos que se importam, e você precisa se importar."

Nos comentários, os seguidores dela aplaudiram a atitude: "Esse não é um trabalho que você precisava ter feito. E muito, muito obrigado por fazer mesmo assim. Eu te adoro de verdade e meu respeito por você está atravessando o teto e queimando um novo buraco na camada de ozônio."

Diversidade