PUBLICIDADE
Topo

De R$ 200 a R$ 15 mil: como escolher o melhor drone para você?

Hoje queridinho de muitos, o drone vai de modelos mais básicos até avançados, feitos para profissionais - Nano Calvo/Corbis
Hoje queridinho de muitos, o drone vai de modelos mais básicos até avançados, feitos para profissionais Imagem: Nano Calvo/Corbis

Marcella Duarte

Colaboração para Tilt

16/11/2020 04h00Atualizada em 16/11/2020 09h05

Os drones, que anos atrás eram objetos de ostentação, hoje caíram no gosto popular. Cada vez mais, eles são utilizados como hobby e profissionalmente, de maneiras inovadoras - fiscalização policial, orientação sobre Covid-19, entregas de comida, coibir crimes eleitorais e buscas de pessoas em locais remotos.

Há aparelhos dos mais variados preços e qualidades no mercado brasileiro, desde os mais simples, quase um brinquedo, até os mais arrojados, para uso audiovisual profissional. É a maneira mais fácil e barata de captar imagens aéreas.

Mas como escolher um para comprar? Como a maioria dos eletrônicos, tudo depende de qual será seu uso e do tamanho do seu bolso. Mas há alguns pontos importantes para se atentar.

Para começar, a qualidade da câmera é essencial para boas fotos e vídeos. Mas costuma estar diretamente relacionada ao preço. Um drone muito barato, em geral, oferece imagens de baixa resolução. Os top de linha, por sua vez, têm resultados profissionais - e talvez você nem precise de tanto.

A distância máxima de voo, que pode ir de 50 metros até alguns quilômetros, deve ser considerada diante de seu uso

Já a bateria define o tempo do aparelho no ar - quanto maior, melhor. Lembrando que falamos de diferenças de minutos: os melhores do mercado têm cerca de meia hora de autonomia de energia.

Os drones mais simples possuem menos sensores, como os de obstáculos, que impedem choques com objetos inesperados. Portanto, têm mais chances de colisões e quedas.

O GPS também é importante. Além de estabilizar o voo do drone e oferecer rotas automáticas, a ferramenta permite que ele volte sozinho ao ponto de decolagem, no caso de perda de sinal ou bateria, evitando muitos acidentes. E se por acaso ele cair, é possível encontrá-lo.

Dito tudo isso, separamos 5 dos melhores drones com câmeras integradas em cada categoria. A chinesa DJI é a mais renomada fabricante.

Drone Fun Alcance - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

Multilaser Fun - ideal para brincar

Preço: R$220,92*

  • Até 6 minutos de autonomia de voo
  • Alcance de 50 metros
  • Faz manobras 360º
  • Não vem com câmera (pode ser adquirida separadamente)

Drone Tello Dji - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

DJI Tello - ideal para iniciante

Preço: R$735,00*

  • Foto 5MP
  • Vídeo 720p
  • Até 13 minutos de autonomia de voo
  • Alcance de 100 metros
  • Decolagem e aterrissagem na sua mão

Drone Mavic Mini - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

DJI Mavic Mini Combo - bom custo-benefício

Preço: R$5.500,00*

  • Foto 12MP
  • Vídeo 2,7K
  • Até 30 minutos de autonomia de vôo
  • Alcance de 4km
  • Duas baterias e carregador extra

Drone Mavic Air - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

DJI Mavic Air 2 Combo - ideal para uso profissional

Preço: R$11.700,00*

  • Foto 48MP (sensor de 12MP)
  • Vídeo 4K
  • Até 34 minutos de autonomia de vôo
  • Alcance de 10km
  • Luz auxiliar inferior
  • Gimbal de 3 eixos para movimentação da câmera
  • Duas baterias e carregador extra

Drone Mavic 2 Pro - Divulgação - Divulgação
Imagem: Divulgação

DJI Mavic Pro 2 - top de linha

Preço: R$15.796,47*

  • Foto 20MP
  • Vídeo 4K
  • Até 31 minutos de autonomia de vôo
  • Alcance de 8km
  • Luz auxiliar inferior
  • Gimbal de 3 eixos para movimentação da câmera

*Os preços e a lista foram checados no dia 13/11/2020 para atualizar esta matéria. Pode ser que eles variem com o tempo.

O UOL pode receber uma parcela das vendas pelos links recomendados neste conteúdo. Preços e ofertas da loja não influenciam os critérios de escolha editorial.