Topo

Quer visão de raio-X? MIT tem ferramenta que enxerga pessoas pelas paredes

Quer visão de raio-X? MIT tem ferramenta que enxerga pessoas pelas paredes - Reprodução
Quer visão de raio-X? MIT tem ferramenta que enxerga pessoas pelas paredes Imagem: Reprodução

Felipe Germano

Colaboração para o UOL, em São Paulo

05/03/2019 04h00

Superman tem vários poderes: voa, é a prova de balas, tem superforça, sopro congelante e, até mesmo, visão de raio-X. Invejável, né? Bom, um pouco menos a partir de agora. O MIT acaba de revelar que desenvolveu uma tecnologia que pode nos deixar um pouco mais próximos de Clark Kent.

O Instituto de Tecnologia de Massachusetts provou que agora consegue enxergar pessoas através das paredes. O sistema se aproveita de um fenômeno que não é parado por muros ou tijolos: as ondas de rádio.

Chamado de RF-Pose (RF aqui é uma sigla em inglês para "frequência de rádio") trata-se de uma inteligência artificial que consegue traduzir a interferência que essas ondas sofrem quando encontram no nosso corpo, em modelos simples de corpo humano.

A tecnologia consegue ignorar qualquer obstrução visual, ou seja, paredes, estantes, mesas, cadeiras que estejam na frente das pessoas -- e aponta em seu sistema a posição exata do indivíduo, por meio de um modelo 3D de boneco palito, iguais aqueles que você desenhava quando era criança.

Na prática, o que os operadores do sistema veem é isso: 

Os pesquisadores juram que estão fazendo isso com as melhores das intenções. Em comunicado à imprensa, os envolvidos afirmaram que pensam na ferramenta como a algo para ser utilizado, por exemplo, com idosos:

[O RF-Pose] os ajudaria a viver com mais independência, trazendo uma maior segurança no monitoramento de quedas, machucados e mudanças nas atividades de rotina

Não há, no entanto, declarações de que a tecnologia não será utilizada para fins comercias ou militares.

Vale ressaltar que a ferramenta não é perfeita. Há uma série de limitações que tornam a aplicação fora do laboratório um pouco mais complicadas. O sistema só consegue funcionar em um raio de apenas 12 metros do alvo, e apesar de conseguir identificar até mais de uma pessoa por vez, a máquina só percebe que se trata de um ser humano (e não mais uma decoração do quarto) quando a pessoa anda.

Ou seja, se ligarem a máquina enquanto você estiver lendo uma matéria, sentadinho, continuará invisível através da parede. Até mesmo o MIT tem suas kryptonitas. 

Mais Inovação