Topo

Dragon Ball


"Dragon Ball Super" poderá ter final diferente de "Dragon Ball Z"

Reprodução
Imagem: Reprodução

Rodrigo Lara

Do Gamehall

11/11/2017 04h00

Goku enfrenta Uub em um torneio de artes marciais e, diante do potencial do garoto, resolve partir com ele para um treinamento. Esse é o final de "Dragon Ball Z", transmitido na TV japonesa há mais de 20 anos, em 31 de janeiro de 1996.

É de se esperar, portanto, que "Dragon Ball Super" retrate essa passagem em algum momento, uma vez que a história - que faz parte do cânone de "Dragon Ball" - se passa no intervalo de dez anos que separa o momento da vitória sobre a versão maligna de Majin Boo (o ano 774 do mangá/anime) e o confronto entre Goku e Uub no 28º Torneio de Artes Marciais (ano 784). O atual anime começou no ano 778 da cronologia de "Dragon Ball" e, atualmente, encontra-se no ano 780.

Veja também

Isso, contudo, poderá não acontecer. A informação foi revelada pelo produtor e pelo ex-diretor de "Super", Hiroyuki Sakurada e Kimitoshi Chioka, em uma entrevista durante um evento de animes em Barcelona, Espanha.

De acordo com a dupla, o final de "Super" ainda não foi definido por Akira Toriyama, o que abre margem para que o criador de "Dragon Ball" promova algumas alterações em relação ao que foi visto no final de "Z", até como forma de continuar a história além daquele ponto.

Torneio do Poder vai até março

Outra informação revelada na entrevista diz respeito à extensão do atual arco de "Super". O Torneio do Poder deverá durar até março do ano que vem, o que faz sentido, uma vez que a competição teve início no episódio 97 do anime, transmitido em julho deste ano - não confundir com o arco da Sobrevivência Universal, que começou em fevereiro e envolveu o torneio preliminar e também o período de recrutamento de guerreiros.

Considerando a contagem de minutos de "Dragon Ball" (quem não lembra dos "cinco minutos para a destruição de Namekusei" vista em "Dragon Ball Z"?) e o fato de que estamos no meio do Torneio do Poder, seria natural que a competição terminasse em cerca de cinco meses de exibição do anime.

O que ainda não está definido é como a história continuará após a competição. Em determinado momento, um dos produtores afirma que Toriyama tem algo em mente para uma possível sequência de histórias envolvendo o universo de "Dragon Ball", porém não confirma se isso, necessariamente, se refere à continuidade de "Super".

No momento, o anime é transmitido nas manhãs de domingo no Japão - podendo, portanto, ser assistido nas noites de sábado no Brasil, onde ele está disponível no serviço de streaming Crunchyroll.

Dragon Ball