PUBLICIDADE
Topo

Tênis 'satânicos' de Lil Nas X geram escândalo e processo da Nike

Reprodução/Twitter - Lil Nas X com o "tênis de Satã" fabricado pela MSCHE
Reprodução/Twitter Imagem: Lil Nas X com o 'tênis de Satã' fabricado pela MSCHE

De Nova York

29/03/2021 22h35

Um modelo de tênis lançado em série limitada, com referências satânicas e uma gota de sangue na sola, gerou escândalo nos EUA, e a empresa que os projetou em colaboração com o rapper Lil Nas X foi processada pela gigante de equipamentos esportivos Nike.

Os "Sapatos de Satanás" foram colocados à venda pela empresa MSCHF, especializada em produtos de série limitada que são vendidos na internet.

Idealizado em colaboração com o rapper americano Lil Nas X, famoso por sua música "Old Town Road", o modelo é uma referência ao seu single mais recente — "Montero (Call Me By Your Name)", que traz elementos da mitologia católica no clipe.

A partir de um tênis Air Max 97 fabricado pela Nike, a MSCHE adicionou símbolos que aludem ao diabo, como uma estrela de cinco pontas invertida, e injetou uma gota de sangue na sola.

"Os 'Tênis de Satanás' foram produzidos sem um acordo ou autorização da Nike", disse um porta-voz da empresa à AFP. "A Nike não está ligada a esse projeto de forma alguma".

A gigante dos calçados exige a suspensão da entrega das unidades, que esgotaram desde sua disponibilização ontem ao preço de US$ 1,018 mil (R$ 5,8 mil) o par. A empresa também exige uma compensação por danos e juros, mas não especificou o valor em questão.

A Nike diz que o modelo pode ser uma fonte de confusão para os seus clientes, e expôs a empresa a um possível boicote.