PUBLICIDADE
Topo

Luciano Szafir comenta golpe aplicado por 'sheik' em Sasha: 'Vigarista'

Luciano Szafir disse que medidas judiciais já estão sendo tomadas contra "sheik das criptomoedas" - Reprodução/Instagram
Luciano Szafir disse que medidas judiciais já estão sendo tomadas contra 'sheik das criptomoedas' Imagem: Reprodução/Instagram

Colaboração para Splash, em São Paulo

03/07/2022 13h32

Luciano Szafir, pai de Sasha Meneghel, se manifestou sobre o golpe sofrido pela filha aplicado pelo "sheik das criptomoedas". Segundo o ator, medidas legais estão sendo tomadas.

"Conversei com ela e isso está sendo tratado na justiça. O responsável não vai ficar impune", garantiu Luciano, em entrevista ao Globo. "É um fato que todo mundo pode passar. Tem muita gente séria no mercado de criptomoedas, mas também tem muito vigarista".

"Infelizmente, aconteceu isso, foi aquela coisa de conhecer [a pessoa] através de amigos, mas o importante é que as providências judiciais foram tomadas", reforçou.

O golpe

Sasha e o marido, João Figueiredo, investiram R$ 1,2 milhão na empresa de Francisley Valdevino da Silva, conhecido como o "sheik das criptomoedas", após conhecê-lo em um culto evangélico da igreja que frequentam.

A Rental Coins, empresa de Francisley, prometia rendimentos de até 8,5% do valor investido com um esquema de "locação de criptomoedas". Como não tiveram o retorno prometido, Sasha e o marido entraram com um processo por dano moral e material alegando fraude. O processo corre na 14ª Vara Cível do Tribunal de Justiça do Paraná.

Além dos famosos, o "sheik" também teria enganado pastores e outros fiéis. Ao O Globo, o ele disse que as empresas de seu grupo estão passando por uma reestruturação e, por isso, ele deixou de pagar os rendimentos mensais prometidos aos investidores. Em nota, Francisley afirmou que em outubro retomará os pagamentos.